expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Quem sou eu

Minha foto
Entre outros assuntos, falo da escalada ao Pico Cão Grande e das minhas aventuras em canoas – Visam defender a teoria de que antigos povos africanos, podiam ter sido os primeiros povoadores das Ilhas do Golfo da Guiné, antes dos colonizadores – Parti à meia-noite, disfarçado de pescador, ligando a ilha do Príncipe. Para me orientar, uma rudimentar bússola – A canoa era minúscula, à segunda noite adormeci: rolei na escuridão das vagas. No regresso fui distinguido com sopapos da policia salazarista, enviado para os calabouços – Cinco anos depois, numa piroga maior, fiz a ligação São Tomé-Nigéria. Partindo igualmente à noite, 13 dias depois atingia uma praia de Calabar, tendo sido detido 17 dias por suspeita de espionagem. - No mesmo ano, já com São Tomé e Príncipe independente, tentei a travessia São Tomé ao Brasil, usando os mesmos recursos. Além de pretender reforçar a minha teoria, desejava evocar a rota da escravatura e repetir a experiência de Alain Bombard. Porém, quis a ironia do destino que vivesse a difícil provação de um naufrágio de 38 longos dias, tendo aportado numa praia de Bioko (Bococo)onde fui recambiado para a famosa prisão de Black Beach

quinta-feira, 15 de abril de 2010

PEREGRINO DA LUZ NA TERRA E NOS MARES

 Oh,sim, às vezes só quero irmanar-me com a liberdade destas formas dispersas...



Ia não sabia para onde... Mas sabia que o mar é uma  estrada grande que  nem sempre nos conduz a um ponto certo do infinito...
video
clik que pode ver e ouvir o vídeo

 .




LINKS PARA MAIS FÁCIL ACESSO A OUTRAS POSTAGENS:***ROCEIROS COMANDADOS POR TENENTE-CORONEL SPINOLISTA - POR POUCO NÃO PROVOCARAM UM SEGUNDO MASSACRE DO BATEPÁ 

ESPIA “MATA HARI*****SÃO TOMÉ E A GUERRA DO BIAFRA******CIA EM SÃO TOMÉ,.************* 36 ANOS DE INDEPENDÊNCIA ****** NÁUFRAGO POR VONTADE PRÓPRIA*******(2)SÃO TOMÉ  E PRÍNCIPE -ANTIGAS ILHAS ASBEN E-NAUFRÁGIO  .****36 ANOS DE INDEPENDÊNCIA****(1)SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE - ANTIGAS ILHAS POVOADAS POR CANOAS AFRICANAS..*****23º DIA À DERIVA NO GOLFO DA GUINÉ****SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE E A MATANÇA DOS ESCRAVOS****"22º DIA DE MAR,11 DE NOVEMBRO EM TERRA*****"COM A FÚRIA DOS VENTOS PORCELOSOS*****HOJE É DIA DA INDEPENDÊNCIA DE ANGOLA:****CANCÃO DO MAR****PEREGRINO DA LUZ NA TERRA E NOS MARES****QUANDO OS TUBARÕES ATACAM****VOGANDO A COBERTO DA NOITE E À FLOR DO MAR.******TITANIC - A HOMENAGEM******MARES DE ONTEM, DE HOJE E DE SEMPRE.****ANTES DE HAVER LUZ, A IDEIA DE LUZ BRILHAVA*****PERDIDO NO GOLFO DA GUINÉ:*****POETAS!... VINDE VER O MAR!***** SÃO TOMÉ - NIGÉRIA******NO MAR DOS TORNADOS E DOS TUBARÕES -*******HISTÓRIA SINGULAR DE UM NAVEGADOR SOLITÁRIO***** ATITUDE DE JORGE MOYSÉS TEIXEIRA. COIMBRA******ESCALADA VERTICAL DO PICO CÃO GRANDE* ****AZEREDO PERDIGÃO, O QUE ME REVELOU ***

 

Pelos sagrados lugares da minha aldeia
e com o pensamento nos longínquos
mares das ilhas encantadas.

Luz Abençoada
(...)
Oh, desce, desce amada luz!
Desce  esplendorosa e  impregnada da mais pura  beleza!
Pois, sempre que me prendo ao teu rosto, 
me rendo ao  teu fascínio,
todo o meu ser se transcende - Oh glorioso!
Todo o meu ser se eleva  à altura onde irradia o teu brilho,
Todo eu me sinto infinito, 
sinto que não  pertenço à Terra, 
sinto que sou divino!

Luz abençoada  dos meus olhos! 
Retira o  ceptro da tua luminosa juba 
E repousa da tua caminhada,  sobre horizonte, algures..
Não te apresses... não te escondas... Faz-me companhia.
Ou então segue o teu curso mas  mais devagarinho... 
Faz com que os teus raios  se transformem 
nas contas de um  milagroso rosário,
e, que, ao desapareceres, sejam  os braços
e as   mãos suaves e carinhosas,
banhadas pela luz  mais brilhante
que o brilho do mais fino ouro e prata!...


Vá,  Sol Amigo! Segue o teu curso 
mas  me abandones a um destino
que não sei aonde me leva, 
a que ponto do horizonte me conduz..
Não te afundes no mar,  não me percas de vista!
Sê a  mais segura tábua da  minha salvação, 
a esperança, que me alimenta e reconforta!..
E, se acaso te fores embora,  promete-me
ao menos, que amanhã, voltarei a reencontrar-te,
radioso e cedinho... E que haverá um novo dia...

Oh, sim, como eu gostava  de seguir o teu rasto, 
iluminado e acarinhado pelo teu brilho!
Oh, mas não posso: tu segues o rumo  da claridade,
eu vou pela noite negra e eterna adiante...
Vou à deriva à flor das águas...
Vou sem rumo e sem destino...
Imerso por  mil pensamentos e mágoas...
Imerso por difusas  trevas, 
Revolvido por agitadas 
e turvas águas!
(...)
Jorge Trabulo Marques

.

Nenhum comentário :