expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Quem sou eu

Minha foto
Entre outros assuntos, falo da escalada ao Pico Cão Grande e das minhas aventuras em canoas – Visam defender a teoria de que antigos povos africanos, podiam ter sido os primeiros povoadores das Ilhas do Golfo da Guiné, antes dos colonizadores – Parti à meia-noite, disfarçado de pescador, ligando a ilha do Príncipe. Para me orientar, uma rudimentar bússola – A canoa era minúscula, à segunda noite adormeci: rolei na escuridão das vagas. No regresso fui distinguido com sopapos da policia salazarista, enviado para os calabouços – Cinco anos depois, numa piroga maior, fiz a ligação São Tomé-Nigéria. Partindo igualmente à noite, 13 dias depois atingia uma praia de Calabar, tendo sido detido 17 dias por suspeita de espionagem. - No mesmo ano, já com São Tomé e Príncipe independente, tentei a travessia São Tomé ao Brasil, usando os mesmos recursos. Além de pretender reforçar a minha teoria, desejava evocar a rota da escravatura e repetir a experiência de Alain Bombard. Porém, quis a ironia do destino que vivesse a difícil provação de um naufrágio de 38 longos dias, tendo aportado numa praia de Bioko (Bococo)onde fui recambiado para a famosa prisão de Black Beach

segunda-feira, 13 de julho de 2015

S, Tomé – Visita oficial do Presidente de Cabo Verde a STP, reforça laços de amizade e cooperação com os dois países - Que vai passar de consulado ao nível de embaixada







“Esta visita vai permitir um maior reforço de amizade e de cooperação, entre S. Tomé e Príncipe e Cabo Verde, afirmações de Manuel Pinto da Costa, na conferência de imprensa  (conjunta) no final do  encontro que, o Presidente de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, teve com o seu homólogo





Ontem, estive pela primeira vez na Associação Ke Morabeza, tive a oportunidade de estar com os cabo-verdianos são-tomenses. Foi um prazer ter verificado, que, afinal de contas,  temos cabo-verdianos, que são são-tomenses e são cabo-verdianos. Temos que aproveitar esse facto original para fazer com que eles possam de alguma maneira dar uma maior contribuição para reforçar as relações entre os dois países"

O presidente da república de Cabo Verde, que esteve presente nas cerimónias do 12  de Julho, data   em que se comemoravam os 40 anos da Independência de S. Tomé e Príncipe, iniciou  hoje a vista oficial a este país, com uma visita aos principais órgãos de soberania:



No período da manhã pelas 11 horas, Jorge Carlos Fonseca, teve  um encontro, com seu homólogo, Manuel Pinto da Costa, no Palácio Presidencial, após ter recebido as honras militares,

Na conferência de imprensa conjunta,  onde se encontravam também elementos da comitiva e membros dos seus gabinetes (casa civil e militar), ambos sublinharam o reforço da cooperação entre São Tomé e Príncipe e Cabo Verde, que vai passar pela dinamização das áreas das novas tecnologias de informação e comunicação e sector empresarial e a passagem de consulado a nível de embaixada

No período da tarde, o Presidente de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, foi recebido  na Assembleia Nacional,  após o que fez uma visita de cortesia ao Gabinete do Primeiro-Ministro, Patrice Trovoada



Amanhã, e até quarta-feira, retoma as visitas, que tem estado a efetuar, desde a passada quinta-feira, às comunidades cabo-verdianas, nas antigas roças coloniais

O ABRAÇO DO CHEFE DE ESTADO À COMUNIDADE CABO-VERDIANA

A visita do Presidente de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, é também   o abraço às comunidades cabo-verdianas no arquipélago e a resolução de alguns dos seus problemas




S. Tomé e Príncipe e Cabo Verde – Dois países com um passado comum – Disse Jorge Carlos Fonseca,

Jorge Carlos Fonseca, que, à sua chegada, no dia 11, havia sido recebido no aeroporto pelo Ministro são-tomense dos Negócios Estrangeiros e Comunidades, Salvador Ramos, sublinhara que  “Os nossos dois países fizeram o caminho comum para a obtenção da independência nacional e estão ligados por uma grande presença de uma comunidade cabo-verdiana que está aqui (em são Tomé e Príncipe) sediada há longos anos e já com muitos descendentes originários de São Tomé e Príncipe e portanto com laços de amizade e culturais muito fortes,



Nenhum comentário :