expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Quem sou eu

Minha foto
Entre outros assuntos, falo da escalada ao Pico Cão Grande e das minhas aventuras em canoas – Visam defender a teoria de que antigos povos africanos, podiam ter sido os primeiros povoadores das Ilhas do Golfo da Guiné, antes dos colonizadores – Parti à meia-noite, disfarçado de pescador, ligando a ilha do Príncipe. Para me orientar, uma rudimentar bússola – A canoa era minúscula, à segunda noite adormeci: rolei na escuridão das vagas. No regresso fui distinguido com sopapos da policia salazarista, enviado para os calabouços – Cinco anos depois, numa piroga maior, fiz a ligação São Tomé-Nigéria. Partindo igualmente à noite, 13 dias depois atingia uma praia de Calabar, tendo sido detido 17 dias por suspeita de espionagem. - No mesmo ano, já com São Tomé e Príncipe independente, tentei a travessia São Tomé ao Brasil, usando os mesmos recursos. Além de pretender reforçar a minha teoria, desejava evocar a rota da escravatura e repetir a experiência de Alain Bombard. Porém, quis a ironia do destino que vivesse a difícil provação de um naufrágio de 38 longos dias, tendo aportado numa praia de Bioko (Bococo)onde fui recambiado para a famosa prisão de Black Beach

terça-feira, 18 de outubro de 2016

Em S. Tomé – Negócios de Petróleo furados - Revés no Governo de Patrice Trovoada - A petrolífera nigeriana Oranto Petroleum lda, devolve bloco 3 da ZEE - Exploração do Petróleo nos segredos dos gabinetes e no imbróglio das más negociatas para os cofres do Estado Santomense – Quem nunca perde são as milionárias alcavalas que entram pela porta do cavalo

Por Jorge Trabulo Marques - Jornalista - Informação e análise 

Deste assunto, o Governo de Patrice Trovoada, não abre a boca, porque, para o politico-empresário, o mais importante é gerir os seus negócios no  Estado do Texas e salvar as aparências, acenando    que tudo vai bem nas  Ilhas Verdes do Equador, que poderiam ser um verdadeiro paraíso para os seus escassos 180 mil habitantes mas que, com o miserável ordenado  mínimo de  40 euros mensais (mesmo assim é para uma minoria),  vão tornando a luta pela sobrevivência, num verdadeiro pesadelo 
.

TEXAS OVERSEAS CONSULTING SERVICES,INC. - Foreign Buyers . - Um dos muitos negócios de PT


Vida difícil . que Patrice desconhece
Enquanto, um Primeiro-Ministro, passa a maior do tempo fora do país, em viagens por toda a parte, acautelando a sua fortuna,  o património de S. Tomé e Príncipe, à mão de semear ou naufragado. 

Como se compreenderá, alguma vez um empresário, bem refastelado na vida, educado e criado com todas benesses, mimos e privilégios, colocaria o  interesse do Estado, acima dos seus egoísmos pessoais? – Aponte-se um único exemplo.

O ano passado, só esteve no país 75 dias que custaram perto de 2 milhões de euros - Patrice só cá esteve 75 dias em 2015-1   -Este ano vai pelo mesmo caminho: fazendo unicamente das Ilhas, a  plataforma de umas curtas férias para  os seus múltiplos negócios

Patrice Trovoada, the presidential oil adviser, demanded a higher percentage for Equator Exploration, the company of his business friend Chcrwayko, ln response, President Menezes dismissed Trovoada from his post on the grounds that he had abused his function to do private business Besides, ERHC ...Extractive Economies and Conflicts in the Global South: ... Dr Kenneth Omeje - 2013 - ‎Political Scien  ..Energy Inc. (ERHE): Reason Wade Cherwayko and SEO are 

NEM UMA ´PALAVRA À EMPRESA QUE LHE CONCEDEU OS FINANCIAMENTOS


NEGÓCIOS DE PETRÓLEO -  FOI SEMPRE O GRANDE TABU PARA QUEM CHEGOU A SER ACUSADO DE CUMPLICIDADES COM OS INTERESSES DAS EMPRESAS PETROLÍFERAS, TRAINDO OS DA NAÇÃO SANTOMENSE - E construindo o seu império no Texas 

 Depois de uma empresa francesa, se haver retirado, surge agora a vez da nigeriana Oranto Petroleum dar de frosque  - Vá lá que ainda contribuiu para a construção de três pólos desportivos - Mas - avaliar pelas noticias publicadas - nunca o Governo reconheceu publicamente o gesto, tal como  a outros apoios do mesmo género - Optando  por fazer ver que era dinheiro do orçamento do Estado.

GOVERNO FOI PRESENTEADO DE AVULTADO INVESTIMENTO PELA  ORANTO PETROLEUM , EM TRÊS  PÓLOS DESPORTIVOS, MAS IGNOROU O FINANCIADOR




A Orando Petroleum, foi quem fez a oferta de  cinco autocarros escolares “visando a melhoria do ensino em São Tomé e Príncipe –, enquanto, a empresa  a ORANDO , que agora faz a devolução do  bloco 3, financiou a construção de três pólos desportivos, em, Guadalupe, Monte Café e Água- Izé, obras avaliadas  em mais de 11 mil milhões de Dobras.




Patrice com os seus amigos da UNITA
Segundo noticia divulgada, em 28.07.2015, por ocasião  do lançamento da primeira pedra, cerimónia esta que teve então foros de grande acontecimento, foi presidida pelo próprio Primeiro-ministro, Patrice Trovoada, com as presenças do  Ministro da Juventude e Desporto, Marcelino Sanches, mas nem sequer uma única palavra à entidade financiadora. – Título da Noticia Governo são-tomense lança obras de construção de três pólos desportivos – Fonte http://jornaltransparencia.st/0128.htm
 Trata-se, realmente,  de um facto consumado  -  A Oranto Petroleum Lda deu de frosque  - A Oranto Petroleum Lda, enviou uma nota à ANP-STP no dia 15 de Setembro, anunciando a sua intenção em abandonar o bloco 3 da ZEE. Segundo a empresa, os resultados dos estudos sísmicos realizados ficaram aquém das expectativas.Contudo, para o Governo de Patrice Trovoada, é  mistério por esclarecer: nenhuma explicação pública, e, no entanto,  foi ele o autor entre outras, desta fracassada negociata: até ao momento, não existe uma posição oficial por parte da ANP. - Agência Nacional de Petróleo  - Ninguém ainda veio dar   a cara. por este incumprimento, que impediu o acesso a outras empresas interessadas 


Segundo a empresa, não foram identificados nem presença de petróleo nem gás no referido bloco.

Claro que a razão terá certamente mais a ver com o baixo preço do crude no mercado internacional e o elevado investimento que a empresa deveria pagar para fazer um ou dois furos e já não compensasse. 

O  governo deveria chamar a empresa e pedir informações detalhadas da razão porque pretende abandonar mas não o fez : as luvas estão acauteladas e o Estado que se lixe - Tal como também ignorou qualquer referência a um avultado patrocino desta empresa
De recordar que, o acordo, que concedeu os direitos de exploração em um bloco de petróleo na sua zona económica exclusiva (ZEE) à petrolífera nigeriana Oranto Petroleum, pela  Agência Nacional de Petróleo (ANP), ocorreu em Maio de 2011, sob a então tutela do Governo de Patrice Trovoada
A declaração, foi então assinada pelo Chefe do Executivo da ANP, Luís Alberto dos Prazeres, que declarou  que o bloco adjudicado à Oranto Petroleum abrange 4.228 quilômetros quadrados e está localizado na zona de exploração A da São Tomé e Principe ZEE”. 05/05/2011 Primeiro bloco na ZEE de São Tomé e Príncipe foi atribuído à 

NEGÓCIOS SECRETOS COM MUITOS RABO DE FORA E MUITOS ITENS PARA NADA  
"Assunto: Contrato de Partilha de Produção com ORANTO Petroleum para o Bloco 3 da ZEE

CONTRATO DE PARTILHA DE PRODUÇÃO  ENTRE A REPÚBLICA DEMOCRÁTICA DE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE,  REPRESENTADA PELA AGÊNCIA NACIONAL DO PETRÓLEO E ORANTO PETROLEUM-STP, LIMITADA  RELATIVO AO  BLOCO 3

(…) CONFIDENCIAL TOP SECRET  -  Adquirir, processar e interpretar um mínimo de 1500 Kms2 dados sísmicos 3D a partir da Data de Entrada em Vigor do Contrato; Entregar a documentação completa da interpretação e relatório extensivo de avaliação à Agência Nacional do Petróleo, cobrindo todos níveis estratigráficos relevantes do Bloco, baseado nos dados 2D existentes e os de 3D adquiridos, seis meses antes da conclusão da fase
(…)3 Cidadãos qualificados de São Tomé e Príncipe serão igualmente contratados para cargos especializados tais como aqueles existentes em pesquisa, perfuração, engenharia, produção, segurança ambiental, departamento jurídico e financeiro. O Contratante terá o direito, sujeito às leis, normas e regulamentos aplicáveis, de contratar pessoas que não sejam cidadãos de São Tomé e Príncipe para os referidos cargos especializados se não houver disponibilidade de pessoas qualificadas de São Tomé e Príncipe, ressalvado que o Contratante recrutará e treinará cidadãos de São Tomé e Príncipe para esses cargos especializados de modo que a quantidade de empregados estrangeiros seja mantida num nível mínimo. - Excerto de  http://www.resourcecontracts.org/contract/ocds-591adf-ST5125399754RC/download/word

OS FRANCESES OS PRIMEIROS A DEBANDAREM
Tinha razão quem escrevia  O “sonho do petróleo” pode estar a chegar ao fim em São Tomé e Príncipe No último dia 23 de Setembro, a companhia francesa Total anunciou a retirada da sua operação de prospecção de petróleo em S. Tomé e Príncipe, que concluiu ser inviável. A decisão vem aumentar dúvidas sobre a possibilidade do arquipélago poder vir a produzir petróleo, um duro golpe nas expectativas do país.  "sonho do petróleo" pode estar a chegar ao fim em São Tomé e Príncipe01/10/2013 

GOVERNO ANTERIOR QUIS INFORMAÇÃO MAIS ESCLARECIDA – MAS NÃO LHE FOI PRESTADA

Referia uma noticia, frisando que São Tomé e Príncipe quer mais acesso a dossiês da parceria com a Nigéria para exploração de petróleo

29/01/2013 - O Gabinete de Registo e Informação Pública de São Tomé e Príncipe (GRIP), um órgão fiscalizador das actividades petrolíferas, confirmou a existência de dificuldades no acesso a informação sobre o desenvolvimento do programa para exploração de petróleo, no âmbito do tratado assinado com a Nigéria, e cuja entidade de gestão tem sede em Abuja, a capital nigeriana. António Quintas, diretor do GRIP, órgão tutelado pela Assembleia Nacional (ANSTP), numa entrevista exclusiva à PANA, disse que nem todos os documentos exigidos pelas entidades envolvidas no dossiê petrolífero estão disponíveis para ser publicados. São Tomé e Príncipe quer mais acesso a dossiês da parceria com a ...

NOTICIAS E PROMESSAS NÃO TÊM FALTADO  - O QUE NÃO SE VÊ É QUE O POVO DE S. TOMÉ E PRÍNCIPE,SEJA FINALMENTE BENEFICIADO 

Comunicado de Imprensa sobre acordo celebrado entre a Equator Exploration e a Kosmos Energy no Bloco 12
29/04/2016  - A Agência Nacional do Petróleo (ANP-STP), em representação do Governo da República Democrática de São Tomé e Príncipe, assinou hoje o Contrato de Partilha de Produçã3r:(CPP) relativo ao Bloco Nº 12 da Zona Económica Exclusiva.Comunicado de Imprensa sobre acordo celebrado entre a Equator ...
Oando e Kosmos Energy juntas em São Tomé e Príncipe com plano ambicioso
20/04/2016 Estagnada desde a licitação de 2011, a zona económica exclusiva de São Tomé e Príncipe deve ser revigorada com a chegada da Kosmos Energy, o primeiro passo de um plano ambicioso. A empresa norte-americana juntou-se à nigeriana Oando Energy Resource na aquisição de blocos offshore no país, comprando a maioria da participação detida por esta última nos blocos 5 e 12.Oando e Kosmos Energy juntas em São Tomé e Príncipe com plano ...

Kosmos pega operatorship mais de dois blocos de São Tomé e Príncipe

06/04/2016  Oando Recursos Energéticos da Nigéria se uniu a Kosmos Energy na aquisição de blocos offshore em São Tomé e Príncipe, e nação insular Africano localizado perto do equador.

A subsidiária da Oando Equator Exploration tinha adquirido a propriedade sobre os Blocos 5 e 12, respectivamente, e, eventualmente, de viveiro, a participação majoritária em ambos os blocos a Kosmos Energy. Excerto Kosmos picks up operatorship over two Sao Tome and Principe blocks ...

Galp Energia operadora no Bloco 6 de São Tomé e Príncipe

A Galp Energia informa que chegou a acordo com o Governo de São Tomé e Príncipe e a Kosmos Energy para a atribuição do Bloco 6, no offshore de São Tomé e Príncipe. A Galp Energia terá a operação do bloco e uma participação de 45%, a Kosmos Energy 45% e a Agência Nacional do Petróleo (ANP), em representação do Governo, uma participação de 10%.. Galp vai explorar bloco em São Tomé e Príncipe - Energia

20/10/2015 Empresa norte-americana Kosmos Energy adquiriu os direitos de que empresa norte-americana ERHC Energia, realizada no bloco 11 da Zona Económica Exclusiva de São Tomé e Príncipe, disse segunda-feira em São Tomé o director executivo da Agência Nacional do Petróleo. US company Kosmos Energy acquires oil rights in São Tomé and ...

PATRICE TROVOADA - SAFOU-SE DAS GRADES PORQUE A JUSTIÇA EM S. TOMÉ NÃO SERVE PARA PRENDER POLÍTICOS COM FINO E IMACULADO CADASTRO
"Patrice Emery Trovoada, de arguido a líder de poder absoluto em S. Tomé e Príncipe, é o trecho tirado do seu grande currículo vitae. 

Certamente que Patrice “arguido” é tanto ao quanto pejorativo, visto a dimensão e o poder que ele tem e implementa no país, e por isso, nunca fora ouvido ou julgado. – Refere um comentário no Téla Nón, que acrescenta “Foi-lhe criado apenas um heterónimo de “Patrice inocente”, para escamotear a consciência dos Santomense. De Arguido a Líder de POder Absoluto | Téla Nón
  UM GOVERNO QUE MANDA FABRICAR MOEDA COM A MESMA FACILIDADE DA MULHER QUE FAZ LAVAGEM DA ROUPA NO ÁGUA GRANDE – SÓ QUE A LAVAGEM DA ROUPA DE PATRICE TROVOADA, NUNCA MAIS FICA ENXUGADA – PORQUE NÃO É EXPOSTA AO SOL

O Presidente Evaristo Carvalho, promulgou no passado dia 13 do mês corrente, o Decreto-Lei que aprova a Emissão Monetária”. – Esta a pergunta que é colocada pelo cidadão santomense, atento e consciente - e que nos foi enviada

 Como é que se pode explicar semelhante imbróglio? É do conhecimento público que o anterior Presidente da República, Pinto da Costa, introduziu junto do Ministério Público uma solicitação para averiguação de eventuais ilicitudes no Diploma enviado pelo actual Governo para sua promulgação. Na altura foi tornado público que, para matéria de emissão de nova família de dobra, é a Assembleia Nacional que tem competência exclusiva para legislar sobre o assunto e a mesma não foi tida nem achada. Tendo todo mundo foi apanhado de surpresa através da comunicação social. Tendo em conta o princípio de continuidade do Estado, como é que se explica que o actual Presidente da República, Evaristo Carvalho, conhecendo a acção do seu predecessor junto do Ministério Público (sim, porque o dossier se encontra na Presidência da República)  possa promulgar o Decreto-Lei que aprova a emissão monetária sem aguardar pelo parecer desse órgão judicial?

O mais grave está no facto de, mais uma vez estarmos perante uma ilegalidade nos procedimentos previstos por Lei, tendo em conta que novamente a Assembleia Nacional não legislou sobre a matéria, estando esta ainda no período de férias parlamentares e não se reuniu para apreciar o assunto da emissão da nova família de dobra. Recorde-se que o actual Assessor Jurídico disse publicamente que a carta enviada por Pinto da Costa ao Governo, solicitado esclarecimentos não tinha pernas para andar e que ele ficasse sentado a espera porque não tendo tido resposta, o assunto prescreveu-se. Recorde-se ainda que entre as eventuais ilicitudes, estão os factos da Assembleia Nacional não ter legislado sobre a matéria e o Governo ter feito transferência no valor de 1.123.392,00€ (um milhão, cento e vinte e três mil, trezentos e noventa e dois Euros) para a fábrica emissora de notas, situada em Londres. Como é que o actual Assessor Jurídico do Presidente da República pode explicar agora e mudança de procedimentos? É caso para dizer que o Presidente “assina só” ou pau mandado está na moda em São Tomé e Príncipe. Aguardo pelos vossos pontos de vista.

De recordar que, há  uns meses, em . 16/04/18/21615já o jornal on lin  o Téla Nón, havia abordado este escandaloso caso , Escândalo espreita o Banco Central  - Tudo por causa do procedimento alegadamente inconstitucional, e pouco transparente adoptado pelo Banco Central para emissão de novas notas da moeda nacional, a dobra.http://www.telanon.info/politica/2016/04/18/21615/escandalo-espreita-o-banco-central/

07/06/2013 Forte suspeita de lavagem de dinheiro recai sobre  Patrice Trovoada “A pessoa em causa também assina o recibo confirmando a recepção do montante em cash. Levou o dinheiro para o Gabão, para ser depositado na conta número 81011146011-03, devidamente especificada no recibo.”07/06/2013 Forte suspeita de lavagem de dinheiro recai sobre  Patrice Trovoada 

INCOMPATIBILIDADES DO MESMO MAGISTRADO EXERCER DUPLAS FUNÇÕES – CONSELHEIRO, JOSÉ BANDEIRA,  O CÚMULO DA ANORMALIDADE  - MAS EM QUE PAÍS ISSO SUCEDE?

Diz-se que, a maioria das leis da justiça santomense, são regidas pelo antigo pais colonizador – Mas é que, em muitos casos  nem isso, faz-se ao sabor das circunstâncias -   É norma universal pelo menos no sistema germano-românica, de que nenhum juiz  pode exercer  duas funções muito menos e de jurisdição diferente.  As incompatibilidades estão ligadas à ideia de impossibilidade, por inconciliabilidade legal, de acumulação na mesma pessoa de dois ou mais cargos ou funções, e isso independentemente do carácter duradouro ou meramente temporário das atividades incompatíveis e independentemente também da pessoa que seja titular do órgão ou agente administrativo, não relevando saber se tal pessoa tem ou deixa de ter interesse pessoal na decisão do procedimento em causa. São, pois, casos em que a lei abstrai das situações concretas e exclui liminarmente e de forma genérica a possibilidade de acumulação de tais cargos ou funções, por considerar que ela é suscetível de gerar o risco de o titular do órgão ou o agente

ONDE JÁ SE VIU ISTO? - Conselheiro José Bandeira, Presidente do Supremo Tribunal de Justiça; Presidente do Tribunal Constitucional; Presidente  do Conselho de Administração dos Tribunais, e Presidente do Tribunal  Tributário?  - Diz-se que, a maioria das leis da justiça santomense, são regidas pelo antigo pais colonizador – Mas é que, em muitos casos  nem isso, faz-se ao sabor das circunstâncias -  

MAIS OUTRO CIDADÃO SANTOMENSE  INDIGNADO COM UMA JUSTIÇA PODEROSA  E CORRUPTA
Mural em S. Tomé

Refere outro comentário que um cidadão, nos fez chegar, Outra questão que está a passar em banco é o gravíssimo caso de o Presidente do Supremo Tribunal de Justiça e do Constitucional,  estar a exercer funções no tribunal de 1ª. Instância que é o Tribunal Tributário isso é crime!!!  Nessa função o PT controla e manipula o fisco...Conheço caso de um meu familiar que devia (…)  milhões, com voltas e voltas, lá terá baixado para menos de 100.  E o que ele faz com os negócios de PT aliado ao libanês RAMI. Em parte nenhuma de mundo um PSTJ acumulações fora dessa instância, muito menos esta 1ª. que é inferior de onde saem os recursos para o STJ. Só  em STP com PT

UM DOS PROTAGONISTAS, TIDO COMO UM DOS ALIADOS DE PATRICE -  APANHOU, O ANO PASSADO,  21 MESES DE CANA POR DESENTENDIMENTOS CONJUGAIS

Há um ditado em São Tomé, que diz - referido num artigo a respeito destas tão famosas concessões : "Para ficar rico, tudo o que você precisa fazer é ser ministro por 24 horas". - Pelos vistos, assim tem acontecido: Muito se escreveu sobre os escandalosos contratos das concessões  - Mas, ao que parece, com o tempo tudo se esquece e  já não faz mossa aos principais protagonistas das tais  falcatruas, que se encheram de milhões  os bolsos corruptos.

24/08/2015 .      Sr. Cherwayko, um canadense de origem ucraniana, que fez sua fortuna nos negócios do petróleo Africano, em cumplicidade com políticos santomenses (Patrice Trovoada, um dos citados) foi ano passado condenado a uma pena de 21 meses de pena efetiva por se ter recusado a pagar 5 milhões de indemnização à  ex-esposa,   .Maya Cherwayko, ex-misse nigeriana, com a quem casou, em 2005, -   Oil trader Wade Cherwayko jailed for 21 months for not paying ex-wife ... - 


 AS CHORUDAS NEGOCIATAS DAS RUINOSAS CONCESSÕES  DO PETRÓLEO - DO QUAL AINDA NÃO JORROU UMA GOTA - SENÃO OS MILHÕES QUE ENTRARAM NAS CONTAS BANCÁRIAS DOS POLÍTICOS CORRUPTOS  

QUANDO É QUE TOCA A VEZ A PATRICIE  TROVOADA RESPONDER PELAS ACUSAÇÕES QUE LHE TÊM SIDO FEITAS?   - DIFICILMENTE O DEVERÁ SER ENQUANTO A JUSTIÇA CORRUPTA PROTEGER OS CORRUPTOS  ESTIVER DE MÃOS DADAS COM OS CORRUPTORES  -  Mas é suposto que seja o Povo a correr com ele; não acredito que acabe a legislatura. E o melhor caminho que tem a seguir é o de se dedicar a tempo inteiro aos seus misteriosos negócios - Pois,  mas ele como é um vaidoso incorrigível, quer fama e fortuna.  

Pretextos para ir engaiolado, creio que não faltaram -  São do domínio público - Não é   minha intenção vir aqui recapitulá-los ou promover algum julgamento popular - Tal como também o de não desejar aqui rescrever a história detalhada das concessões que lesaram  a Nação  Santomense, em proveito dos políticos corruptos, que deviam ser honestos e defender os interesses do seu país e optaram por se vender, servindo a desmesurada gula das empresas que os corromperam - 

Deixarei, no entanto,  aqui alguns tópicos e referência a  linkes para consulta mais aprofundada sobre esta questão.  Pois não faltam descrições pela Internet - Nomeadamente, em inglês traduzido.

"Patrice Trovoada, o consultor de petróleo presidencial, exigiu uma percentagem mais elevada para Equator Exploration, a companhia de seu amigo negócios Chcrwayko, ln resposta, o presidente Menezes demitiu Trovoada de seu cargo, alegando que ele havia abusado de sua função para fazer negócios privados Além disso, Menezes foi forçado a demitir Meira Rita, em seguida, o chefe do gabinete presidencial, do Conselho Nacional de Petróleo e do JMC. A nomeação de Menezes de Rita na TBE dois corpos era uma clara violação da Lei de Gestão das Receitas Petrolíferas LHE, porque, como ERHC acionista que tinha interesses conflituantes

Patrice Trovoada, the presidential oil adviser, demanded a higher percentage for Equator Exploration, the company of his business friend Chcrwayko, ln response, President Menezes dismissed Trovoada from his post on the grounds that he had abused his function to do private business Besides, ERHC ...Extractive Economies and Conflicts in the Global South: ... Dr Kenneth Omeje - 2013 - ‎Political Scien  ..Energy Inc. (ERHE): Reason Wade Cherwayko and SEO are 


ACUSAÇÕES AO EX-PRESIDENTE NIGERIANO  OBASANJO  - NAS QUAIS SURGE CITADO O NOME DE PATRICE TROVOADA 

(...) 05/08/2015 - "Num processo, em que ele violou todas as regras conhecidas e padrões éticos. Gostaria de citar apenas um exemplo que eu conheço muito bem: a Zona de Desenvolvimento Conjunto (JDZ) entre a Nigéria e a ilha gémea de São Tomé e Príncipe. Acredita-se ser rico em recursos naturais, especialmente em hidrocarbonetos ou de reservas de petróleo e gás em bruto, Nigéria e São Tomé e Príncipe assinaram um acordo durante a administração de Obasanjo para explorar os recursos em suas fronteiras marítimas. A Nigéria é o sócio sênior no Acordo de Desenvolvimento Conjunto (JDA) com uma participação de 60%, enquanto o pequeno-falante Português nação insular levou 40%. Dois gigantes petrolíferos americanos principais, ChevronTexaco e ExxonMobil, tinha sido contratada em 1 de Fevereiro de 2005, por ambos os governos da Nigéria e São Tomé e Príncipe para realizar a exploração, quando o contrato para o primeiro bloco de petróleo foi premiado.
(...) Duas semanas antes, Patrice Trovoada, conselheiro do presidente de Assuntos Petroleum, foi despedido por colocar seus interesses pessoais sobre os da nação enquanto outro assessor nomeado Manuel Rita, foi expulso depois das revelações que ele tinha ações da ERHC.  Buhari, Obasanjo And Emeka Offor By Mohammed Al-Bishak | Sahara ...


Patrice Trovoada, the presidential oil adviser, demanded a higher percentage for Equator Exploration, the company of his business friend Chcrwayko, ln response, President Menezes dismissed Trovoada from his post on the grounds that he had abused his function to do private business Besides, ERHC ...Extractive Economies and Conflicts in the Global South: ... Dr Kenneth Omeje - 2013 - ‎Political Scien  ..Energy Inc. (ERHE): Reason Wade Cherwayko and SEO are 


Presidente de Assuntos Internacionais Lafayette, LA, 03 de dezembro de 1998 - Environmental Remediation Holding Corporation (OTC BB: ERHC). Anunciou hoje que o Sr. Mateus Meira Rita, Gerente de Assuntos Africanos e ex-secretário de Estado do Governo da República Democrática de São da Companhia Tomé e Príncipe, foi nomeado vice-Presidente de Assuntos internacionais do Conselho de Administração da ERHC. James R. Callender, Sr., Presidente e CEO, declarou: "Mr. Rita traz sua experiência no negócio, tanto do governo e do sector empresarial privado, bem como, um vasto conhecimento da África Ocidental

(...)o Sr. Rita é um membro bem-vindo a equipe de gestão, e ele está ansioso para aceitar os desafios enfrentados ERHC, que está bem posicionada para o crescimento de longo prazo e sucesso

(...)  Suas operações atuais estão focados internacionalmente na República Democrática do São Tomé e Príncipe, Golfo da Guiné, na África Ocidental. Para informações referentes à ERHC, visite o website da Companhia em www.erhc.com Environmental Remediation Holding Corporation Announces ... - ERHC

"Quando o presidente são-tomense Fradique Melo de Menezes assumiu o governo em 2001, ele prometeu manter seu país livre desses problemas. Fradique é um homem baixinho e musculoso com um grande bigode -um mercador de cacau que trata a todos pelo primeiro nome. Ele impressionou a comunidade internacional quando falou sobre o desejo de usar a riqueza do petróleo para ajudar seu país.s.São Tomé e Príncipe se tornou um modelo de como roubar uma .

"São Tomé e Príncipe: o azar do petróleo 2006 - A essa situação instável, juntou-se o descontentamento de uma população que vive com menos de 300 euros por ano. Desde o fim de 2004, os dividendos das primeiras concessões, cerca de 49 milhões de euros, ficaram estranhamente bloqueados, e sem juros, nos cofres da filial local de um banco de Abuja (Nigéria) - í(…)Le Monde Diplomatique Brasil..... IRIN | Oil minister resigns as controversy dogs award of second ... Traduzir esta página Relatório de Investigação e Avaliação do Segundo Leilão ... - Juristep ... Relatório de Investigação e Avaliação do Segundo Leilão ... - Juristep


Nenhum comentário :