expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Quem sou eu

Minha foto
Entre outros assuntos, falo da escalada ao Pico Cão Grande e das minhas aventuras em canoas – Visam defender a teoria de que antigos povos africanos, podiam ter sido os primeiros povoadores das Ilhas do Golfo da Guiné, antes dos colonizadores – Parti à meia-noite, disfarçado de pescador, ligando a ilha do Príncipe. Para me orientar, uma rudimentar bússola – A canoa era minúscula, à segunda noite adormeci: rolei na escuridão das vagas. No regresso fui distinguido com sopapos da policia salazarista, enviado para os calabouços – Cinco anos depois, numa piroga maior, fiz a ligação São Tomé-Nigéria. Partindo igualmente à noite, 13 dias depois atingia uma praia de Calabar, tendo sido detido 17 dias por suspeita de espionagem. - No mesmo ano, já com São Tomé e Príncipe independente, tentei a travessia São Tomé ao Brasil, usando os mesmos recursos. Além de pretender reforçar a minha teoria, desejava evocar a rota da escravatura e repetir a experiência de Alain Bombard. Porém, quis a ironia do destino que vivesse a difícil provação de um naufrágio de 38 longos dias, tendo aportado numa praia de Bioko (Bococo)onde fui recambiado para a famosa prisão de Black Beach

domingo, 6 de agosto de 2017

Venezuela em pé de pré-guerra civil e militar por via do petróleo - Nicolás Maduro não é Hugo Chávez mas, a oposição, sob a liderança da grande rapina global, representa o abutre mais feroz do saque dos recursos venezuelanos e também não é solução - Em marcha ”. O despotismo em defesa da liberdade” de permitir aos ricos de fazer o que quiserem - Maduro atrapalha e não convém aos sacadores . Nós previmos a sua ascensão três meses antes do anúncio oficial da morte de Chávez e também a atual convulsão.

Encenação escusada 
Jorge Trabulo Marques - Jornalista - Informação e análise 

EM 07/03/2013 DESMONTÁMOS, EM VÍDEO,  A MASCARA DE CERA COM QUE SE PRETENDEU ADIAR A MORTE DE CHÁVEZ 

- Hugo Chávez - Terá morrido no dia 1 de Janeiro de 2013, em Cuba e não 5 de Março na Venezuela -- É nossa convicção que as imagens de Hugo Chaves sorridente, ladeado pelas duas filhas, para simular às TVs que estava vivo, teriam sido obtidas a partir de uma escultura para mais tarde ser provavelmente colocada no Museum, Museo de Cera Wax Museum, Bayamo  Os escultores deste museu são artistas brilhantes - 

O INTERNAMENTO DE HUGO CHAVES EM CUBA, PRESTOU-SE A MUITA ESPECULAÇÃO  E ENCENAÇÃO - Por um lado, a figura do líder venezuelano, não era mostrada aos media , visto ter morrido (e as nossas pesquisas, vão nesse sentido) devido ao estado avançado da doença cancerosa, quando foi hospitalizado em Cuba, e, também, porque, politicamente,   tal noticia poderia desencadear reações inesperadas da oposição, o que não interessava à sucessão de  Nicolás Maduro - Que  Hugo chaves havia escolhido,  antes de ser hospitalizado 

O jornal espanhol El País chegou a encenar uma notícia - Mais tarde coube a vez a Maduro de fazer o mesmo com as filhas de Hugo Chaves: sorridentes, ladeando  uma figura de cera (de seu pai),  de olhos fechados, expressão cerealífera   e a simular que lia o jornal da revolução  - Que é o que poderá depreender  de um vídeo da nossa autoria, que já conta para cima de 200 mil visualizações




VÊM AÍ DIAS DE CONFUSÃO E DE SANGUE  - Forças externas e a media vão contribuir para extremar o conflito - Isto porque, Hugo Cháves, já não volta a passar pelos mesmos caminhos 


Venezuela, em convulsão  sob a ponta do fúsil interno e externo:  Referem noticias da media liberal que “um grupo de militares na base militar Forte Paramacay, no norte da Venezuela (cerca de 180 km de Caracas), promoveu um levantamento neste domingo (6) contra o governo de Nicolá



O que se passa na Venezuela, não é tanto apenas por culpa de Maduro, que está longe do pragmatismo de Hugo Chávez, que lhe sucedeu por morte e não porque houvesse mérito garantido para lhe suceder mas porque há uma avidez insaciável, pelas poderosas forças do capitalismo desumano e selvagem global, que jamais  largarão do olho os seus recursos petrolíferos, visto estes serem demasiado tentadores para a cobiça dos milionários  insaciáveis  - É justamente o que está em marcha: é senão um dos capítulos de como “Charles Koch e outros bilionários financiaram, nas sombras, um projeto político que implica devastar o serviço público e o bem comum, para estabelecer a “liberdade total” do 1% mais rico – Que tem como os defensores, que argumentam que a liberdade consiste no direito absoluto de usar a propriedade – inclusive os escravos – segundo o desejo de cada um. Qualquer instituição que limitasse este direito era, para ele, um agente de opressão, que oprime homens proprietários em nome das massas desqualificadas” – Tese denunciada ao detalhe no livro de Nancy MacLean,Democracy in Chains: the deep history of the radical right’s stealth plan for America [“Democracia Aprisionada: O programa secreto do capitalismo totalitário - OUTRAS PALAVRAS

Sim, facilmente se preveem tempos conturbados e muito difíceis  para o já tão sacrificado povo venezuelano  Henrique Capriles, figura principal da oposição na Venezuela e governador do Estado de Miranda (centro do país) , está por detrás da alta finança global.  - Argumenta que Maduro não quer eleições presidenciais, não quer eleições democráticas livres e que inventou essa ideia de escrever uma nova constituição.

E então que garantias tem na manga o descente israelita , Henrique Capriles, capaz de  trazer mais justiça social, paz e  progresso a um dos países mais ricos da América do sul mas também o mais devastado pelos boicotes económicos perpetrados pelos EUA e seus aliados..

Hugo Chávez - Morreu no dia 1 de Janeiro de 2013 e não 5 de Março  -  Morreu então o mais carismático presidente da Venezuela . Morreu um homem valente e corajoso . Finalmente tiveram que reconhecer a sua morte. E Nicolá Maduro e seu amigos quiseram adiar o anúncio da sua morte

  UM DOS NOSSOS VIDEOS EDITADOS NO YOU TUBE




Hugo Chávez morreu em Cuba? Ou estava embalsamado por Massimo Signoracci?. As fotografias foram gravadas de sua escultura para o BAYMO museu .-- É nossa convicção que as imagens de Hugo Chaves teriam sido obtidas a partir de uma escultura para ser colocada no futuro museu Bayrmo. Escultores do museu são imitadores brilhantes


Não interessava a Cuba que a morte fosse anunciada no regime de Fidel Castro. Compreende-se a preocupação. Mas não se justifica que andassem tanto tempo a ocultar um cadáver. Os médicos cubanos não têm culpa. Fizeram o que lhes foi possível. Para o câncro não há tratamento possível em qualquer parte do mundo. Sobretudo no seu estado adiantado. Quando, Chávez voltou a Cuba, a doença estava demasiado avançada. Ele pressentiu a sua morte. Tanto assim que disse que, se alguma coisa lhe acontecesse, que Nicolá Maduro assumiria a presidência.  Quem mente  não merece ser respeitado. Pessoalmente desejo que a Venezuela encontre um líder que possa prosseguir as reformas de Hugo Chávez mas não acredito que seja pelos actuais dirigentes. Vamos ter tempos conturbados e muito difíceis neste país. Maduro não está ao nível de Chávez e a oposição. E, da direita, também não se podem esperar boas novidades. Representa o grande capital. Este não está ao lado do Povo mas dos interesses dos grandes monopólios internacionais.

A MORTE SÓ ANUNCIADA OFICIALMENTE TRÊS MESES DEPOIS PARA QUE A TRANSIÇÃO NÃO DESSE TRUNFOS À OPOSIÇÃO

REPRODUÇÃO DO TEXTO QUE EDITAMOS ANTES DE SER DECLARADA OFICIALMENTE A SUA MORTE 

2-01-2013 - "Nicolás Maduro sucede a Hugo Chávez: não sobrevive ao câncer e o presidente da Venezuela - O vice-presidente venezuelano foi a Cuba para visitar o carismático líder,  internado a um tumor mas o antigo sindicalista vai regressar com a ideia de que vai ser num novo Lula da Silva 

Este um dos primeiros títulos que demos, noutro dos nossos sites, no qual nos referimos alongadamente acerca desta questão, em várias postagens e vídeos, a que aqui nos voltamos a reportar com alguma dessas nossas análisess

Murió Hugo Chávez - Sí, murió el 01 de enero 2013 Fallecida carismátco como presidente de Venezuela. Murió un hombre valiente y valeroso. Finalmente tuvo que reconocer su muerte. Editado varios puestos en este sitio acerca de su muerte - Nicola Maduro y sus amigos querían postergar el anuncio de su muerte


Calou-se a voz do Presidente Hugo Cháves - Esta é a versão de um facto que ainda não foi tornado público, senão quando Nicolás Maduro voltar a estar seguro no seu posto - Claro que não vão querer deixar cair o poder na rua, com o Presidente morto e o vice-presidente fora do país -   Se, clinicamente, o seu estado é de coma induzido,   cerebralmente é já um homem morto  - para Hugo Chávez, Janeiro é o último mês da sua vida - Quanto ao dia, é o que, politicamente (de acordo com que ficar decidido nos gabinetes do Palácio de Miraflores no do Quartel General de Caracas)  se lhe quiser atribuir 




Este vídeo é uma das nossas homenagens   hugo Chávez - Editado no dia 15 de Janeiro


Foi ao longo de  2011, que, o " presidente venezuelano, Hugo Chávez, chamou para seu sucessor  um antigo aliado com laços estreitos a Cuba para  seu herdeiro como líder, Doente de câncer  e depois de quase 14 anos no poder" - Porém, só neste último mês de Dezembro, é que Hugo chaves descartou total apoio "irrevogável, absoluto" ao seu vice-presidente Nicolas Maduro para conduzir a sua revolução socialista do século 21, " dado se sentir  incapaz de exercer as suas funções.Chavez Names Loyalist Heir as Venezuela Eyes ... -

 

Venham lá com os comunicados que vierem, Hugo Cháves está morto -- Morreu na noite de segunda para terça-feira, do dia 31 de Dezembro de 2012 - Pessoalmente desejava que fosse vivo, mas não está tas.

¿Por qué no te callas? "Por que não te calas?"Foi uma boca do Rei Juan Carlos de Espanha   ao presidente ao presidente venezuelano Hugo Chaves,durante a XVII Conferência Ibero-Americana, realizada na cidade de santiago do Chile, no final de 2007 - Ainda não foi declarada oficialmente a sua morte mas a sua voz já se calou

Apesar dos duríssimos bloqueios económicos, Cuba dispõe da melhor assistência médica mundial - Porém, tais condicionalismos também impedem que os seus médicos troquem experiências internacionais - Por isso, dir-se-á que, embora politicamente, ali pudesse sentir-se mais seguro, num país, ainda não conspurcado pelo liberalismo selvagem e próximo do seu amigo Fidel Castro, sim, podendo ali gozar da tranquilidade e da recuperação indispensáveis, precisava que,  a doença grave de que padecia, não lhe tivesse minado as resistências e não estivesse em estado tão adiantado - Já em Julho se falava da gravidade do câncer de Chavez, ser câncer no cólon  - Porém ele que teria dito que se tratava de câncer causado por uma infecção interna, de abcesso "pélvico" - Tendo-se referido que o célebre médico de Fidel Castro, José Luis García Sabrido, teria sido chamado  para tratar o presidente, Hugo Chávez - No entanto, o líder venezuelano não se poupou aos elogios aos médicos cubanos...Cáncer ha perforado intestino de Chávez:



 HUGO CHAVES É HOMEM MORTO – O SILÊNCIO VAI-SE MANTER ATÉ NICOLAS MADURO RETOMAR  O SEU POSTO E JOGAR AS SUAS PEDRAS NUM DIFÍCIL TABULEIRO – A MORTE NÃO É DECLARADA  EM CUBA POR RECEIO DA OPOSIÇÃO - QUE VAI DESENCADEAR  UMA TREMENDA CONFUSÃO


O vice-presidente venezuelano Nicolás Maduro, que esteve em  Cuba, na companhia de sua mulher, a procuradora-geral do seu país, Cilia Flores, para se inteirar do estado de saúde de Hugo Chávez, já regressou a Caracas, após  ter permanecido cinco dias - O dirigente venezuelano, que  foi   recebido à sua chegada pelo ministro cubano das Relações Exteriores, Bruno Rodríguez, mal  desembarcou, dirigiu-se  directamente para o hospital onde Chávez havia sido hospitalizado para  ser submetido  à delicada  intervenção cirúrgica de um tumor na região pélvica.

 
UM NOVO LULA - VINDO DA CLASSE OBREIRA  E DO SINDICALISMO MILITANTE - VAI TER A TAREFA MUITO COMPLICADA, QUER NO INTERIOR DO PARTIDO DE HUGO CHÁVEZ (MVR) QUER EXTERNAMENTE PELA OPOSIÇÃO


 Nicolás Maduro sucede a Hugo Chávez - Aconteça o que acontecer - Embora os próximos tempos não se antevejam fáceis na república venezuelana  - A oposição não deixará de radicalizar-se fazendo valer os seus protestos.Aliás, de ambas as partes - É de prever muita confusão nas ruas de Caracas -- Enquanto uns vão chorar o seu carismático Hugo Chávez, outros deitarão foguetes e aproveitarão para exigir eleições - De resto, nem poderá haver outra alternativa: a constituição dá poderes do vice-presidente substituir o Presidente, em caso de morte, mas era preciso que este fosse empossado - E tal não aconteceu nem vai acontecer.


Foi para lá como Vice-Presidente mas vai sair de lá (se bem que secretamente) com a tarefa de  suceder a Hugo Chávez - Reeleito em 7 de Outubro para governar o quinto maior exportador de petróleo do mundo, Chávez deveria assumir oficialmente seu terceiro mandato presidencial de seis anos no próximo dia 10 de Janeiro, caso esteja restabelecido da doença.

Logo depois da operação, no dia 11 de Dezembro, Maduro informou em cadeia de rádio e televisão que o procedimento foi bem-sucedido. Ele também disse que a recuperação de Chávez seria longa e prometeu deixar a população a do seu estado de saúde de seu líder.
Maduro é conhecido por ser o “protegido” de Chávez e foi designado para sucedê-lo na presidência do país caso ele falecesse.




  A sucessão de Chávez está na sombra" - E, por enquanto, vai permanecer na sombra, até ele achar que estar seguro das ´redeas do poder


Nicolás maduro -  homem de confiança de Hugo Chávez.

Chama-se Nicolás Maduro, tem 50 anos e é a sombra do presidente da Venezuela há duas décadas. Nos momentos mais complicados da doença de Chávez, que luta há algum tempo contra um cancro, cabe a Maduro, por exemplo, manter os venezuelanos informados sobre o estado de saúde do presidente.
Natural de Caracas, onde nasceu a 23 de novembro de 1962, Nicolás Maduro envolveu-se na política sem ter frequentado a universidade. Foi condutor do Metro de Caracas e conheceu Hugo Chávez em 1992
A sua mulher, Cilia Flores, era advogada do agora presidente. Na altura, em Fevereiro de 1992, Chávez, um tenente-coronel, tentou e falhou um golpe de Estado. Foi preso e Cilia Flores ajudou na defesa do agora presidente. Flores, curiosamente, é desde janeiro de 2012 Procuradora-Geral da Republica da Venezuela.

Nicolás Maduro, por seu lado, foi um dos fundadores em 1997 do Movimento Quinta Republica(MVR), o partido que levou Hugo Chávez à presidência dois anos depois e que viria a dar lugar, por volta do 10.° aniversário, ao atual Partido Socialista Unido da Venezuela (PSUV).  – Leia o resto da noticia em A sucessão de Chávez está na “sombra”


HUGO CHÁVEZ - O ÚLTIMO DOS REVOLUCIONÁRIOS CAPAZ DE AFRONTAR  OS TENTÁCULOS DA EXPANSÃO LIBERAL

Deu seu nome, Hugo Chávez Frías GColIH (Sabaneta, 28 de julho de 1954 — Caracas, 5 de março de 2013) foi um político e militar venezuelano, tendo sido o 56.º presidente da Venezuela, governando por 14 anos desde 1999 até sua morte em 2013. Líder da Revolução Bolivariana, Chávez advogava a doutrina bolivarianista, promovendo o que denominava de socialismo do século XXI.[2] Chávez foi também um crítico do neoliberalismo e da política externa dos Estados Unidos.[3] Oficial militar de carreira, Chávez fundou o Movimento Quinta República, da esquerda política, depois de capitanear um golpe de estado mal-sucedido contra o governo de Carlos Andrés Pérez, em 1992.[4]

Chávez elegeu-se presidente em 1998, encerrando os quarenta anos de vigência do Pacto de Punto Fijo (firmado em 31 de outubro de 1958, entre os três maiores partidos venezuelanos) com uma campanha centrada no combate à pobreza.[5] Reelegeu-se, vencendo os pleitos de 2000 e 2006. Com suas políticas de inclusão social e transferência de renda obteve enorme popularidade em seu país. Durante a era Chávez, a pobreza entre os venezuelanos caiu de 49,4%, em 1999, para 27,8%, em 2010.[6][7] No plano político interno, Chávez fundiu os vários partidos de esquerda no PSUV. Fortaleceu os movimentos e as organizações populares, estabelecendo uma forte aliança com as classes mais pobres.[8] Chávez foi vítima de uma tentativa golpe de Estado em 2002.A comunidade internacional – inclusive o Brasil, então governado por Fernando Henrique Cardoso – condenou o golpe. Chávez acabou voltando ao poder três dias depois. No final do mesmo ano, mediante um referendo revocatório, a população foi chamada a opinar sobre sua permanência na presidência. Chávez venceu o referendo sem dificuldade, ampliando assim a sua base política de apoio. https://pt.wikipedia.org/wiki/Hugo_Ch%C3%A1vez


ÚLTIMAS

Manifestantes vão às ruas da Venezuela, após ataque Travada revolta militar na Venezuela. Governo Venezuela: Pelo menos sete detidos na tentativaOposição venezuelana exige explicações sobre ataque a base militar ...

Nenhum comentário :