expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Quem sou eu

Minha foto
Entre outros assuntos, falo da escalada ao Pico Cão Grande e das minhas aventuras em canoas – Visam defender a teoria de que antigos povos africanos, podiam ter sido os primeiros povoadores das Ilhas do Golfo da Guiné, antes dos colonizadores – Parti à meia-noite, disfarçado de pescador, ligando a ilha do Príncipe. Para me orientar, uma rudimentar bússola – A canoa era minúscula, à segunda noite adormeci: rolei na escuridão das vagas. No regresso fui distinguido com sopapos da policia salazarista, enviado para os calabouços – Cinco anos depois, numa piroga maior, fiz a ligação São Tomé-Nigéria. Partindo igualmente à noite, 13 dias depois atingia uma praia de Calabar, tendo sido detido 17 dias por suspeita de espionagem. - No mesmo ano, já com São Tomé e Príncipe independente, tentei a travessia São Tomé ao Brasil, usando os mesmos recursos. Além de pretender reforçar a minha teoria, desejava evocar a rota da escravatura e repetir a experiência de Alain Bombard. Porém, quis a ironia do destino que vivesse a difícil provação de um naufrágio de 38 longos dias, tendo aportado numa praia de Bioko (Bococo)onde fui recambiado para a famosa prisão de Black Beach

terça-feira, 4 de setembro de 2018

S. Tomé – Governo de Patrice Trovoada não autoriza o advogado de defesa dos espanhóis a confrontarem quem lhes pagou as viagens de avião e lhes prometeu trabalho numa empresa de segurança- Por sua vez, a Ordem dos advogados de STP, denuncia hoje a violação dos direitos humanos para contatarem seus constituintes na cadeia - Regime Patrice Trovoada, cada vez mais opressor e autoritário - O advogado português, indicado pela Embaixada de Espanha, impedido de contatar o auto-denominado exorcista de demónios, ex-ministro da juventude e desporto, demitido pelo anterior governo, devido às suas excentricidades , um tal Albertino Francisco. intermediário da armadilha para lhe pedir que explique o papel dos três espanhóis, neste alegado golpe – Governo respondeu que não é possível falar com ele de forma alguma

Jorge Trabuo Marques - Jornalista - Informação e análise 


Regime absolutista, opressor, corrupto e manipulador de  Patrice Trovoada, patrocinador de golpes de Estado, não cessa de desrespeitar e de violar as mais elementares normas do pluralismo democrático  e de impor as mais severas restrições à liberdade de expressão – Quer no acesso à RN quer à TVS – Faz a propaganda, desinforma e manipula, conforme lhe dá na real gana e restringe e agride outros direitos fundamentais da Constituição da República Democrática de São Tomé e Príncipe



FAMILIARES JÁ PUDERAM FALAR ALGUNS MINUTOS COM OS TRÊS ESPANHÓIS PRESOS EM SÃO TOMÉ – TRANQUILIZARAM OS SEUS ENTES QUERIDOS - Mas o advogado português, indicado por Espanha, continua impedido de confrontar a principal personagem de mais esta telenovela fabricada por Patrice Trovoada.

 


Por outro lado,  segundo fonte jurídica, bem informada, diz que os advogados estrangeiros não gozam de reciprocidade para advogar em STP, uma vez que o advogado  tem de estar inscrito na Ordem dos Advogados de STP  - Além disso, estando Patrice, por trás, também  se argumenta que é muito difícil a um advogado santomense poder exercer livremente a sua defesa. E, pelos vistos, é justamente o que está acontecer com as novas restrições impostas aos advogados e repudiada pela sua prestigiada instituição. 



NOTICIA DO TÉLA NÓN – A ÚNICA VOZ QUE O REGIME AINDA NÃO LOGROU AMORDAÇAR, APESAR DAS MUITAS PROVOCAÇÕES E TENTATIVAS DE ESMAGAR O SITE – Só que o seu diretor, Abel Veiga,  não depende dos empregos do regime e continua corajosamente  a bater-se pelo pluralismo democrático e liberdade de expressão, o que a maioria dos jornalistas, em STP, não podem fazer, alegando que “falar não pode”.
    
Refere Téla- Nón, que a Ordem dos advogados diz que as novas medidas na Cadeia Central violam direitos humanos e o estatuto dos advogados



CADEIA CENTRAL
Num comunicado lido pelo membro do Conselho Superior da Ordem dos Advogados, foi denunciada a violação pela Direcção da Cadeia Central, dos direitos humanos e também do Estatuto dos Advogados. Tudo por causa das restrições impostas pelo Ministério da Justiça através da Cadeia Central, ao acesso dos advogados aos seus constituintes que se encontram no estabelecimento prisional.


No comunicado lido à imprensa, a ordem dos advogados denuncia outras acções e medidas do Ministério da Justiça e do Governo, que comprometem a acção dos advogados e põem em causa o acesso a ajustiça por parte dos cidadãos. «Tendo tomado conhecimento do despacho da Direcção dos Serviços Prisionais e de Reinserção Social, que impõe regras para o acesso dos advogados ao referido estabelecimento, e a consequente audiência com os seus constituintes, e ainda do ofício da Direcção Administrativa e Financeira do Ministério da Justiça, Administração Pública e Direitos Humanos, informando  da retirada do orçamento retificativo  da verba de apoio institucional destinada a OASTP para o ano 2018, vem fazer o seguinte pronunciamento».


E o pronunciamento foi de indignação. «A OASTP,  manifesta a sua total  indignação relativamente a alguns requisitos  fixados pela Direcção dos Serviços Prisionais e de Reinserção Social, nomeadamente o impedimento do acesso do advogado estagiário a aquele estabelecimento sem a presença do seu patrono. Repudia ainda, a exigência de requerimento prévio com antecedência de 24 horas imposto aos advogados que pretendem ter audiência com seus constituintes e o poder discricionário dado aos agentes prisionais ao nível do uso da sala de audiência». precisa a ordem dos Advogados.


Violação flagrante dos princípios de Estado de Direito. «Tais requisitos são violadores dos Direitos, liberdades e garantias dos cidadãos que se encontram naquele estabelecimento nos termos do artigo 41 º, n º 1, alinea f) e n º 2 do Código de Processo Penal. Violadores das garantias do exercício da advocacia previsto nos termos dos  artigos 34 º,38 º, 123 º , e particularmente do Artigo 42.º – Direito de comunicação -réus presos do Estatuto da Ordem dos Advogados (Lei 10- 2006), que fixa o seguinte:


“Os advogados têm direito, nos termos da lei, de comunicar, pessoal e reservadamente, com os seus patrocinados, mesmo que estes se achem presos ou detidos em estabelecimento civil ou militar», sublinha.


Por outro lado, do ministério da Justiça, a Ordem dos Advogados diz que recebeu um golpe que amputa as suas pernas. «Relativamente ao ofício da Direcção Administrativa e Financeira do Ministério da Justiça, Administração Pública e Direitos Humanos, informando  da retirada da verba destinada a OASTP para o ano 2018, no valor de STD 450.000,00 , a OASTP manifesta a sua estranheza e preocupação com a retirada do referido valor, uma vez que, o valor de STD 150.000,00(cento e cinquenta mil dobras), corresponde ao Apoio Institucional que a Ordem vinha recebendo por ser uma instituição de direito público crucial para a boa administração da justiça e com um papel social imprescindível. Sendo que  o valor de STD 300.000,00 (trezentas mil dobras) corresponde ao montante utilizado para o pagamento das defesas oficiosas. Facto que, dificultará ainda mais a realização das suas actividades e programas», detalhou.


A Organização dos Advogados, pede bom senso. « vimos pela presente apelar ao bom senso dos órgãos de soberania, de forma  a garantir o exercício dos direitos fundamentais do cidadão, garantir o exercício da  advocacia na sua plenitude em São Tomé e Príncipe», conclui a Ordem dos Advogados.

É COM ESTES DITADORES CRIMINOSOS, QUE PATRICE TROVOADA . SE ENTENDE BEM  - ACUSADOS DE GENOCÍDIOS  - DE CRIMES CONTRA A HUMANIDADE Rwanda's Paul Kagame warned he may be charged with aiding war crimes



 6000 AS IGREJAS ENCERRADAS POR KANGAME – AMIGO DE PATRICE TROVOADA  - OUTRO DEMÓNIO E ANTI-CRISTO, COMO O FALSO MUÇULMANO HEREGE   -Ruanda fecha mais de 6.000 igrejas em busca de mais controle sobre as comunidades religiosas - Rwanda closes over 6,000 churches in bid for more control over religious communities - Espero e rezo para que o governo reconsidere esta decisão precipitada, insensível e provavelmente sem sentido. Um governo pró-diabo anti-Deus não é o que os ruandeses querem. - I hope and pray that the Government will reconsider this hasty , insensitive, and probably senseless decision. An anti-God pro devil government is not what Rwandans want.


US tells president he could face prosecution for arming groups that carried out atrocities in Democratic Republic of CongoThe head of the US war crimes office has warned Rwanda's leaders, including President Paul Kagame, that they could face prosecution at the international criminal court for arming groups responsible for atrocities in the Democratic Republic of Congo.

Stephen Rapp, que lidera o Escritório de Justiça Criminal Global dos EUA, disse ao Guardian que a liderança ruandesa pode estar aberta a acusações de "ajudar e encorajar" crimes contra a humanidade em um país vizinho - ações semelhantes àquelas para as quais o ex-presidente da Libéria, Charles Taylor, foi condenado a 50 anos de prisão por um tribunal internacional em maio. Http://www.theguardian.com/world/2012/jul/25/rwanda-paul-kagame-war-crimes

Stephen Rapp, who leads the US Office of Global Criminal Justice, told the Guardian the Rwandan leadership may be open to charges of "aiding and abetting" crimes against humanity in a neighbouring country – actions similar to those for which the former Liberian president, Charles Taylor, was jailed for 50 years by an international court in May. https://www.theguardian.com/world/2012/jul/25/rwanda-paul-kagame-war-crimes



Ao entrar na Assembleia Nacional dei conta que lá dentro estavam pelo menos 60 outros militares, 40% deles devidamente equipados e fardados com coletes à prova de bala, outra parte estava a paisana, mas armados de pistolas", acrescentou.

"Acho esse ato bastante preocupante, e quando acontece numa casa parlamentar constitui ameaça a integridade física dos deputados, é algo com a qual a sociedade não pode conviver", salientou o líder da bancada parlamentar dos sociais-democratas em conferência de imprensa, em que estavam presentes representantes de todos os partidos da oposição, com e sem assento parlamentar.

Tropa Ruandesa em S. Tomé
É A ESTES DITADORES, INIMIGOS FIGADAIS DA LIBERDADE DE EXPRESSÃO E DA LIBERDADE RELIGIOSA, QUE ORDENAM O ENCERRAMENTO DE 6000 IGREJAS, QUE O FALSO AUTO-PROCLAMADO MUÇULMANO CONVICTO, VAI PEDIR A MOBILIZAÇÃO DE UM PELOTÃO DE MILITARES - Para intimidar e humilhar no Parlamento os deputados da oposição – E também de reprimir à bastonada as manifestações do Povo Pequeno





Espanhóis presos em S. Tomé  -  Familiares chocados e desesperados, denunciam a  violação dos seus direitos fundamentais:  lançam apelos nas redes sociais, a irmã de Marco e  um dos companheiros,  ameaçam mesmo entrar em greve de fome -

LÊ-SE NUM APELO ATRAVÉS DAS REDES SOCIAIS - “NÃO SOMOS MERCENÁRIOS – SOMOS BOINAS VERDES”; Por la libertad de nuestros hermanos encarcelados en una republica africana – Imprensa regional tem sido a mais ativa  -–  A justiça nas mãos do  PM e líder da ADI, não oferece o mínimo de confiança jurídica. - All institutions and organs of sovereignty in Sao Tome and Principe do not function freely. are under the absolute control of the regime - Interpol - International Criminal Police Organization - should take responsibility for investigating the alleged coup d'etat in S. Tomé and distancing itself from false Government information - The International Tribunal should judge the and the crimes of which Prime Minister Patrice Emery Trovoada is suspected, denounced by the op

 Em 20-12-2016, os dois principais partidos da oposição são-tomense defenderam que a.  Interpol deve investigar alegados atos de corrupção, de lavagem de dinheiro e de tráfico de droga em S, Tomé e Principe


Tal como já referirmos, neste site, as instituições e órgãos de soberania em Sáo Tomé e Príncipe, não funcionam livremente.  estão sob o controlo absoluto  do regime - A Interpol  - Organização Internacional de Polícia Criminal - deveria chamar a si a responsabilidade da investigação do alegado (forjado) golpe de Estado em S. Tomé e distanciar-se das manipuladoras falsas informações do Governo -  O Tribunal Internacional deveria julgar os atropelos à justiça e os crimes de que é suspeito  o Primeiro-ministro Patrice Emery Trovoada, denunciados pela oposição no Parlamento,  com fundamentados e bem documentados argumentos

 SAO TOMÉ TEM UMA DAS PIORES CADEIAS DE ÁFRICA - NUMA DAS MAIS MARAVILHOSAS ILHAS VERDES DO EQUADOR


Em S Tomé, existe a cadeia mais insalubre de África – - Conclui-se do relatório Freedom of the World 2017  -   Em pior estado que nos anos opressivos do Governador Gorgulho -Relatório Arrasador: Acusa o sistema judicial de se submeter “à influência ou manipulação política" e  da existência de apenas “uma cadeia que junta homens, mulheres e crianças, com temperaturas elevadas,  ventilação insuficiente , padrões de alimentos deficientes e assistência médica com os mesmos problemas.

“Mesmo que os juízes ganhem salários substanciais, os relatórios indicam que estão aceitando subornos” -: Todavia,  milhões em três novos tribunais superiores, para onde o Governo Português  canaliza grossos apoios

HOSPITAL CENTRAL
CADEIA CENTRAL
S. Tomé tem apenas um único hospital e uma única cadeia, com instalações mais degradadas que no período colonial  mais repressor dos anos 50  - O panorama de degradação nos antigos hospitais e edifícios das roças estende-se também às ruas e edifícios da capital – Isto  para já não falar do estado dos principais caminhos e estradas.

"São Tomé, 21 abr (Lusa) - Editei esta noticia do departamento de Estado dos  EUA, no princípio do ano, que  a Lusa veio reproduz em meados de Março, referindo que O Departamento de Estado dos Estados Unidos da América acusou o Governo são-tomense de violar os direitos humanos na unidade prisional, e lamentou que a corrupção constitua “um problema” no país.



Patrice Trovoada no seu estilo Rambo
“As condições das prisões são duras devido à superlotação, cuidados médicos inadequados, falta de infraestrutura e falta de espaço suficiente na cozinha, mas não ameaçam a vida”, indica o Departamento de Estado no seu relatório anual sobre os direitos humanos de 2017.

“Há uma prisão e não prisões separadas ou centros de detenção. Autoridades mantêm prisioneiros preventivos e condenados juntos”, diz o documento, sublinhando que, até outubro do ano passado, havia 251 presos, 84 eram presos provisórios e 11 eram mulheres. http://www.impala.pt/noticias/crianca-tres-anos-desaparecida-franca/

GOVERNO ANTERIOR- EM 2013 -  CHEGOU MESMO A RECEBER APOIO DE ANGOLA PARA A CONSTRUÇÃO DE UMA NOVA CADEIA MAS GOVERNO DE PATRICE NÃO DEU ANDAMENTO

E o argumento era justamente “para dar vazão a superlotação e as más condições de habitabilidade da única cadeia do país, corroborada pelos técnicos do ministério do interior de Angola que estão a efetuar uma visita de 3 dias às ilhas. Angola vai apoiar a construção de uma nova cadeia em São Tomé e

Com duplas eleições no  horizonte,  o  atual Governo, opressivo e corrupto, só se preocupa com propaganda de fachada e sob as mais diversas formas: CADEIA CENTRAL - UM ANTRO HORRIPILANTE - EM PIOR ESTADO QUE NOS ANOS MAIS OPRESSIVOS DO GOVERNADOR CARLOS GORGULHO, - NA DÉCADA 50 - DEVERÁ SER A CADEIA MAIS HORRÍVEL  DO CONTINENTE AFRICANO  

"O sistema prisional   - Em todo o país, há apenas uma prisão. Isso significa que adultos, jovens e mulheres são todos detidos juntos.Isso também significa que as pessoas que aguardam julgamento ficam nas mesmas instalações que aqueles que são condenados. Este problema é exacerbado por longas detenções preventivas que resultam em superlotação. - 

Como resultado, as temperaturas elevadas, a ventilação insuficiente e os padrões de alimentos e saneamento são comuns.  Denuncia o referido relatório de 2017.que detalhou 268 prisioneiros que estão sendo mantidos em uma instalação para 260 no máximo. 

Referindo que "O atendimento médico dentro do sistema prisional também é um problema. Nenhuma acomodação é feita para prisioneiros com deficiência e a prisão não possui suprimentos médicos básicos. Para emergências médicas, os prisioneiros são levados às pressas para o hospital nacional". 

 NÃO SE TENDO EFECTUADO OBRAS DE CONSERVAÇÃO OU DE AMPLIAÇÃO   NA CADEIA,  AS CONCLUSÕES   DO RELATÓRIO DOS DIREITOS HUMANOS DE 2017 NAO DIFEREM DAS QUE FORAM REGISTADAS POR INSPECTORES COLONIAIS - NESTES TERMOS:  "É de salientar o estado deplorável do edifício  da “cadeia”, principalmente as suas divisões internas,  de compartimentos exíguos e em condições miseráveis de higiene A cadeia, estava com muitos presos e,  quando lá entrei, estavam todos a comer de cócoras no corredor que dá ingresso às celas e em cujo topo existem, vedados por um biombo-parede, uma imunda latrina e um chuveiro para banho. É um espectáculo a todos os títulos lastimoso e a  própria limpeza de tudo aquilo e o cheiro de classificar de afrontoso.

RELATÓRIO DOS DIREITOS HUMANOS, DENUNCIA AINDA A CORRUPÇÃO  NO GOVERNO E NA JUSTIÇA - BEM COMO A VIOLÊNCIA DOMESTICA

Corrupção no governo   - Relacionado a condições precárias de prisão são os problemas atuais da nação com a corrupção. O maior bolso de corrupção potencial parece ser o judiciário.

Mesmo que os juízes ganhem salários substanciais, os relatórios indicam que estão aceitando subornos. Além disso, o Departamento de Estado dos EUA informa que "o sistema judicial estava sujeito a influência ou manipulação política". Enquanto o governo investiga potenciais corrupções e abusos de poder, os funcionários geralmente recebem impunidade.http://www.borgenmagazine.com/human-rights-in-sao-tome-and-principe/

UM GOVERNO SEMPRE DE MÃO ESTENDIDA MAS MAIS VOCACIONADO A DAR SUMIÇO AO QUE RECEBE DE QUE A DAR-LHE O USO ADEQUADO -  

Ainda recentemente “O Embaixador de Portugal em São Tomé, Luís Gaspar da Silva, fez a entrega oficial, esta sexta-feira, 26 de Janeiro aos Serviços Prisionais e de Reinserção Social (SPRS) de um lote de equipamentos informáticos, bem como camas e colchões, materiais que vêm suprir algumas necessidades dos Serviços Prisionais e Reinserção Social. Ministério da Justiça, Administração Pública e Direitos Humanos

FAMILIARES DOS ESPANHÓIS PRESOS EM S. TOMÉ – CHOCADOS E DESESPERADOS  COM A VIOLAÇÃO DOS DIREITOS FUNDAMENTAIS  COMPANHEIRO DE MARCO AMEAÇA ENTRAR EM GREVE DE FOME  E RESPONSABILIZA PM DE ESPANHA PELAS CONSEQUÊNCIAS  

"A todos os amigos e apoiantes da causa dos meus irmãos da boina verde, presos injustamente em São Tomé e Príncipe, em cujo cativeiro estão a ser descaradamente violados os seus direitos fundamentais e que nem sequer estão autorizados a visitar o seu advogado
Eu humildemente peço que você me apoiem  na próxima ação que vou  realizar  se eu não conseguir o apoio suficiente para envolver políticos no Congresso dos Deputados.
Que irei  realizar uma greve de fome se  até pelo menos esta semana não houver  resposta do governo
 O Sr. Primeiro-Ministro é o único responsável por aquilo que pode acontecer . E que vai pesar na sua consciência (se consciente) porque a minha morte não hesitará em dar a minha vida para meus irmãos  - Obrigado a todos que me apoiar

Encenação grosseira
Continuámos a acompanhar a versão do 2º alegado golpe em S. Tomé, em pouco mais de um mês – Nomeadamente da imprensa espanhola,  já que, a imprensa portuguesa,  tem-se limitado praticamente a replicar a mais que duvidosa informação estatal santomense   - Através das nossas pesquisas, tomámos conhecimento que estão a circular  nas redes sociais petições e várias mensagem pedindo a libertação dos três espanhóis presos em Espanha, de que aqui lhe damos conta

Biografia  - Marco Martinez Mendez Diretor de segurança, Instrutor TCCC Ferrol, Galicia, Espanha Segurança e investigações – Atualmente presta serviço no prehospital emergencie care Espanha – Anteriormente,  trabalhou na seguriberica; no  atendimento pré-hospitalar emergencie Espanha; Instituto de Estudos em Ciências da Saúde de Castela e Leão,Educação 1. Universidade Nacional de Educação a Distância - U.N.E.D.

ABAIXO ASSINADO  AO MINISTÉRIO DE RELAÇÕES EXTERIORES E COOPERAÇÃO DE SPANHA - POR JOSÉ  RAMÍREZ  -
Ministério de Relações Exteriores e Cooperação e

Por la libertad de nuestros hermanos encarcelados en una republica africana


No último dia 4 foram detidos e injustamente presos três ex-militares espanhóis na República de Santo Tomé, uma ilha africana de cerca de 200.000 habitantes. Estes irmãos são Popeye, José a Legia e Orlando, que se mudaram para esta ilha para realizar um trabalho de escolta privada. Quando alguns dias se passaram e eles não puderam realizar seu trabalho, eles decidiram voltar para a Espanha, quando eles ainda estavam no hotel, eles foram presos e presos injustamente. As versões das acusações pelas quais foram presas são contraditórias, porque, embora algumas informações publicadas em algumas fontes de mídia digital próximas à família Popeye tenham nos assegurado que elas não são verdadeiras. 


Pedimos seu apoio para permitir que essas três ex-militares espanholas retornem à Espanha com suas famílias. 

Eu, José Ramírez Cortacero, também ex-militar e irmão de armas do Popeye apelo à solidariedade de todo o grupo de veteranos de operações especiais e o resto dos ex-militares, simpatizantes, Guarda Civil em suma a todos os espanhóis nos apóiam com sua assinatura para o retorno dos nossos colegas e irmãos

OBRIGADO PELO SEU APOIO  -   Por la libertad de nuestros hermanos encarcelados en una republica ...Marco, Jose y ...¿Pedirán públicamente la libertad de los 3 exGOE Marco, Jose y ...; Por la libertad de nuestros hermanos encarcelados en una republica



NÃO SOMOS MERCENÁRIOS – SOMOS BOINAS VERDES” – Entretanto, tomámos conhecimento que está a circular no facebbok uma petição e várias mensagem pedindo a libertação dos três espanhois presos em Espanha - MENSAGEM URGENTE PARA OS USUÁRIOS DE ESPANHOL DO FACEBOOK

Como muitos de vocês sabem último dia 4 foram detidos e presos injustamente três ex-militares espanhóis em uma república Africano São Tomé e Príncipe um país de apenas 200.000. Eles foram presos com acusações muito sérias que tanto as famílias quanto seus irmãos de armas, sabemos que são mentiras.

Eles estão violando todos os seus direitos, são amontoados em celas sem janelas e sem ventilação, sem mencionar o calor inumano que estão sofrendo.
Apelo à solidariedade espanhola, o que foi demonstrado em outros casos.
Talvez alguém possa pensar que isso é uma farsa ou um filme
Bem, não, é a pura e dura realidade.

Será que alguma coisa  vai ser feita  para uma aprofundada  reflexão da verdade?   - Não se viu nada na TV.  -  Isto será verdade? Eu não vi nada na TV.
Efetivamente não é um caso mediático, apenas alguns meios de Comunicação Digitais fizeram eco da notícia mas da versão oficial do governo de são Tomé (q assim se chama a ilha) por isso só têm derramado sobre eles e suas famílias (.) E me perdoar pela expressão) mais merda do q já têm.

Cavalheiros espanhóis, que têm participado na vida militar como na vida civil, são  cidadãos deste país, que  têm sido convocados  em missões no exterior e têm protegido os navios de pesca espanhóis nas águas da Somália contra os piratas.
 Faça uma reflexão:  ... Será que vamos deixá-los apodrecer em uma prisão infra-hunana ou ser condenados a algo pior?
Apelo à solidariedade espanhola de sobra demonstrada em outros casos.
Talvez alguém possa pensar q isso é uma farsa ou um filme
Pois não, é a pura e dura realidade.

“Tres soldados de infortunio en África  - El Mundo 19/08/2018

 Vale a pena reler -  Os três brancos chegaram em 29 de julho, em Santo Tomé, num avião da TAP, a companhia aérea de Portugal. E o único material bélico com o qual eles pousaram, de acordo com uma fonte próxima, eram coletes à prova de balas. "As armas que o governo fala não eram deles. Eles foram colocados. Foi uma armadilha ", diz alguém que estava em contato direto com os espanhóis até pouco antes de serem trancados na prisão central. Um recinto que, de acordo com relatórios do Departamento dos EUA, está quase no limite de sua capacidade. Instalações com "ventilação insuficiente e altas temperaturas", onde os presos preventivos dividem espaço com criminosos condenados e nos quais não há segregação entre os idosos e menores ali aprisionados.
 
O que realmente aconteceu na pequena ilha do Golfo da Guiné? Foi tudo uma montagem para fortalecer a posição do governo, com uma maioria do partido Independent Action Democratic , antes das próximas eleições gerais? E as armas? Eles eram realmente os espanhóis, como as autoridades de São Tomé proclamavam? O que eles tinham ido? Quem são? Para quem ou quem trabalhou? Eles foram realmente detidos em 3 de agosto, como o governo nos garante? Ou é mais verdade que eles foram algemados no hotel quando estavam em flip-flops e usando suas redes sociais um dia depois?
 
Os três juntos deixaram a Espanha em 29 de julho para Santo Tomé. Eles viajaram em um avião da TAP. Poucos dias depois, em 4 de agosto - e não 3, como disseram as autoridades de Tomenses - foram detidos no hotel, enquanto um trocava mensagens do WhatsApp com um amigo e outro no Facebook.
 
As armas, supostamente de sua propriedade, apareceram mais tarde. É impossível, conta um ex-agente de inteligência espanhol, que eles poderiam introduzi-los no país com controles alfandegários. Acima, eles só usavam coletes à prova de balas, como de costume.
 
O que realmente os trouxe a Santo Tomé, lugar que eles já conheciam, seria a oferta do ex-ministro da Juventude e do Esporte, Albertino Francisco , de receber proteção como guarda-costas e outros políticos que se opõem ao governo de Patrice Trovoada. vista da iminente campanha eleitoral que levará às eleições gerais de 7 de outubro.
 
Enrique, o nome fictício de um ex-espião que trabalhou no continente africano e que conhece bem o mundo dos mercenários, afirma que os três espanhóis foram "pegos como bodes expiatórios" de uma só vez, segundo ele, que "não existia ».
Todos os três estavam desempregados e, de acordo com fontes próximas aos detentos, a oferta para atuar como guarda-costas em Santo Tomé foi diretamente para Orlando , aquele que tinha a voz principal do trio. Chegaram a São Tomé praticamente com as roupas. «Esta coisa que aconteceu tem toda a aparência de um recinto. Eles penduraram o marrom ", diz a mesma fonte.
 
inventona: um golpe imaginário
DAVID R. VIDAL
Às vezes, a necessidade econômica constrói pontes para a imprudência. Os três espanhóis presos ficaram muito felizes em procurar um emprego bem remunerado em São Tomé: escoltar um ex-ministro (Albertino) antes das eleições de outubro. E ele não confiava em um cabelo de seus compatriotas. 

Esses três mercenários chegaram com um visto de turista por uma estadia de dias, sem tempo para não iniciar qualquer tarefa, mas não tiveram sequer a opção de trocar seus chinelos por mais roupas marciais antes de serem presos. Conhecer as verdadeiras motivações do governo em relação a essas tentativas de golpe - ou inventários, dependendo de como você as olha - não é difícil. Santo Tomé tem uma longa tradição. Apenas um mês antes, houve outra suposta tentativa em que um ex-ministro - Gaudêncio - e alguns soldados também eram protagonistas. Isto é, uma operação de três pessoas. O evento envolveu um consultor francês que nunca soube. Talvez o governo tenha visualizado o déjà vu e exagerado ao ver que a oposição contratou os militares. Desta vez o grupo de golpes já tinha cinco anos: sucesso assegurado ... 

Às vezes, certos países com regimes democráticos questionáveis ​​não fazem mal a uma tentativa de golpe militar, em tentativa, que lhes permita limpar as fileiras da oposição ou obter vantagens políticas que não são alcançadas por métodos mais convencionais. Um Erdogan. Se, finalmente, a realidade teimosa não é propícia e a ansiada tentativa não acontece, há sempre o recurso à inventividade onde, sine qua non, são necessários alguns enxovais para carregar as tintas e aqueles que apresentam um troféu diante da sociedade santotomense. Nada vende melhor do que a prisão publicitada de mercenários estrangeiros sinistros ...
Seria de se esperar que a justiça rapidamente desmantelasse a versão oficial, onde é incerta até o momento da prisão, sem mencionar a duvidosa origem das armas que pouco antes estavam nas mãos do governo. Os líderes do golpe de junho foram libertados enquanto aguardavam julgamento. No entanto, é de recear que desta vez a justiça não apareça até ... depois das eleições. 

A Espanha deve exercer pressão diplomática adequada para proteger seus cidadãos. Albertino e seu acólito, confinados na mesma operação, sempre poderão negociar sua liberdade em troca de algo, mas os brancos não terão tanta sorte.
David Vidal trabalhou para a CNI por uma década, tecendo uma rede de informantes em 16 países da África

NOTICIA FABRICADA PARA QUE PATRICE INVENTASSE MAIS UMA ENCENAÇÃO NA TV - O anterior filme  tinha saído atabalhoado, pelo que voltaram à carga com novo cenário:  - Desta vez, para lhe dar maior credibilidade, o regime contou com a cumplicidade da diplomacia portuguesa, até porque, está mais de que visto de que a diplomacia liderada pelo Ministro, Augusto Santos Silva, quer defender os interesses neocolonialistas  da GALP; assinados com Patrice e está-se nas tintas para com a perversão de um regime, altamente corrupto, autoritário e aldrabão. 07/11/2016 Galp reforça em São Tomé e Príncipe com participação em três blocos,...Consórcio Galp-Total concorre a exploração de blocos em São Tomé ...13/12/2017; Portugal vai assinar parceria económica global com S. Tomé e ... - RTP.. 20/02/2018  Governo são-tomense e consócio assinam contratos para exploração ... 09/03/2018 -

.ESTA NOTÍCIA SÓ PASSOU EM S. TOMÉ E PRÍNCIPE

União Europeia condena a tentativa de destabilização das instituições democráticas em São Tomé e Príncipe
.
União Europeia condena a tentativa de destabilização das instituições democráticas em São Tomé e Príncipe
São-Tomé, 16 Ags ( STP-Press) – A União Europeia, EU, decidiu condenar  a “tentativa de destabilização das instituições democráticas” de 3 de Agosto em São-Tomé e Príncipe e diz esperar que as “investigações em curso possibilitem esclarecer cabalmente o sucedido”- soube hoje a STP-Press de fonte diplomática.
A condenação europeia vem expressa num comunicado emitido hoje pela Embaixada de Portugal em São Tomé, na qualidade de representante local da União Europeia (UE) e em coordenação com a delegação acreditada no Gabão, na Guiné-Equatorial, em São Tomé e Príncipe e na CEEAC.
De acordo com o comunicado enviado a STP-Press «foi com preocupação que a União Europeia, UE teve conhecimento do Comunicado do Conselho de Ministros, de 7 de agosto de 2018, dando conta de uma tentativa de destabilização das instituições democráticas do país, a 3 de agosto de 2018.».União Europeia condena a tentativa de destabilização .

A REDACÇÃO DO EL PAIS - INQUIRIDA POR NÓS - - DISSE-NOS QUE  É UMA NOTICIA FABRICADA  - A POSIÇÃO DO GOVERNO PORTUGUÊS  NAO  APARECEU EM OUTRO JORNAL  - SENÃO NA RÁDIO, TELEVISÃO E IMPRENSA, SOB CONTROLO DO REGIME DE PATRICE TROVOADA

De: jorge trabulo Marques  (…)
Enviado el: viernes, 17 de agosto de 2018 12:36
Para: ELPAIS. RedaccionDigital <RedaccionDigital@elpais.es>
Asunto: Solicitud de información - ¿Es usted de su conocimiento esta noticia? La Unión Europea condena el intento de desestabilización de las instituciones democráticas en Santo Tomé y Príncipe





DE FACTO, PATRICE SÓ PODERIA CONFIAR NUM EXORCISTA DE DEMÓNIOS - O EX-MINISTRO DA JUVENTUDE E DESPORTOS, ALBERTINO FRANCISCO - NÃO PASSA DE UM PELINTRA VAIDOSO E AMBICIOSO -  DONDE ELE FOI BUSCAR A MASSAROCA PARA PARA CONTRATAR OS ALEGADOS MERCENÁRIOS? - 

Pois quem é que consegue estabelecer-se, em STP,  senão com o aval do  Governo?  - Ele apenas terá servido de embrulho para  Patrice Trovoada usar os alegados mercenários, tal como usou a tropa ruandesa e ficar de fora para evitar ser criticado .



EX-MINISTRO, ALBERTINO DA BOA MORTE FRANCISCO, UM FIGURANTE FALACIOSO, EXORCISTA E MEGALÓMANO, SEM CREDIBILIDADE – O EX-MINISTRO DO PCD, QUANDO ESTEVE NO GOVERNO FEZ PROMESSAS GRAÚDAS MAS ACABOU POR SER AFASTADO NO MESMO ANO – PERFIL EQUIPARADO A PATRICE TROVOADA PARA COM ELE PARTILHAR GOSTOS E ESTRATÉGIAS

Patrice Trovoada no seu estilo Rambo
07/03/2013- O jovem ministro da Juventude e desporto, antigo jornalista da TVS, disse: «Vamos criar mais de 1000 postos de trabalho directos para os jovens até 2014. Albertino Francisco, fez formação superior no estrangeiro, e conheceu também as técnicas para exorcizar demónios. Participou na elaboração de um livro, que se referia ao exorcismo de demónios na política são-tomense. 07/03/2013Ministro da Juventude e Desporto faz promessas de grande ...;… 26/08/2013

Sob proposta do Primeiro-ministro, Gabriel Costa, o Presidente da República, Manuel Pinto Costa, exonerou Albertino da Boa Morte Danilson Cotú é o novo ministro da Juventude e Desportos – Téla Nón 25-03-2


CONTRADIÇÕES DA  NOTÍCIA DA 2ª INVENTONA

TELEVISÃO DO REGIME PROPALAM UMA  VERSÃO, QUE NÃO CONDIZ COM A VEICULADA PELA  AGÊNCIA  NOTICIOSA  

  COMUNICADO DE STP-PRESS 

Diz um comunicado do Conselho de Ministros do qual STP-Press teve acesso, o governo revela que no dia 3 de Agosto “as forças e serviços em coordenação com Procuradoria-Geral da República e a Polícia Judiciária impediram uma operação terrorista que visava, segundo dados recolhidos, o sequestro do Presidente da República, Presidente do Parlamento e a eliminação física do Primeiro-Ministro”. Governo solicita investigação para a descoberta da ... - STP-PRESS

MAS O AMIGO DE MARCO AFIRMA  QUE SÓ DEIXOU DE O CONTATAR A PARTIR DO DIA 4
Diz o amigo de Marco, que "Non soubemos deles desde o 4 de agosto e dixome que falara co Ministerio de Exteriores se non me falaba ás horas de xantar e que lles dixera que había 3 espanhois aos que enganaron cun traballo de escolta e vironse metidos nun golpe de estado... Que marchaban o antes posible de volta a Espanha e colleron billete de avión para o domingo e eu merqueille billete Lisboa-Coruña para o luns á mañá.

Depois do estrondo dado pelos dois principais jornais espanhóis - El País e El-Mundo, com base nalgumas imagens da encenação da televisão santomense (TVS) facilmente passaram a ser identificados  por familiares, companheiros legionários, vizinhos, amigos e conterrâneos das suas terras de origem, tendo a imprensa regionalista, vindo à liça com várias entrevistas, da qual proveito algumas passagens, bem como dos elementos que recolhi nas redes sociais:

IMPRENSA DE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE  - FORTEMENTE CONDICIONADA E AMORDAÇADA PELO REGIME DE PATRICE TROVOADA   -
SÃO TOMÉ AND PRÍNCIPE PRESS - STRONGLY CONDITIONED AND SORROWED BY THE PATRICE TROVOADA REGIME


02/02/2018 Um dos principais alicerces de qualquer Estado Democrático, é a Liberdade de Imprensa, e o acesso nomeadamente pelas forças políticas da oposição aos órgãos de comunicação social. EUA alerta o poder são-tomense para garantia da liberdade de ..



EM SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE NINGUÉM É MORTO POR EXPRESSAR A SUA OPINIÃO – É UMA TERRA MARAVILHOSA E PACIFICA – Mas, atualmente, diz o presidente da Associação dos jornalistas São-tomenses (AJS), Juvenal Rodrigues, que a situação dos profissionais da comunicação social assemelha-se a de um "país que vive num estado de exceção disfarçado".


TÉLA NÓN - "Parece que o país vive num estado de exceção disfarçado, porque há comissários políticos e agentes que gravam conversas, mesmo em situações de convívio", disse Juvenal Rodrigues na IV conferência anual por ocasião de 03 de maio, Dia Internacional de Liberdade de Imprensa.


“A descarada censura que chega ao ponto de descaracterizar completamente certas matérias produzidas por jornalistas, a ponto dos autores não reconhecerem o trabalho que deixaram feito; a autocensura, a ausência de debates e do contraditório e a exclusão acentuaram-se consideravelmente desde outubro de 2014», prosseguiu o Presidente da Associação de Jornalistas de São Tomé e Príncipe.



“Bufaria” no seu auge no seio dos profissionais da comunicação social e não só. Uma democracia fragilizada. «Não se pode falar verdadeiramente de um Estado de Direito Democrático neste quadro. O democrata convicto não tem medo do contraditório, não receia críticas e não alimenta a “bufaria”- passe a expressão. O pluralismo é uma das características da democracia», frisou Juvenal Rodrigues.
Perseguição, é a lei decretada contra os órgãos de comunicação social, ou profissionais, que não se vergam a vontade do Chefe.

«A perseguição tem outros contornos. Por exemplo, acabar com programas nos órgãos públicos, cujos rostos não são militantes ou simpatizantes do partido no poder. A tentativa de asfixiar economicamente os mesmos. Os militantes e simpatizantes é que têm todos os direitos e mais alguns. Existem casos em que a mesma pessoa é assistente de imprensa de vários organismos estatais, além de estarem vinculados a órgãos públicos. Regra geral, o apoio do Estado ao fomento de órgãos de imprensa privados nunca foi expressivo, num país em que o mercado é inexpressivo e o setor privado está de rastos. Mas atualmente, a situação piorou, com a retirada de publicidade de empresas em que o Estado também é acionista, naqueles títulos de imprensa fora do controlo do poder».

Pressão contra os jornalistas que não abdicam da sua liberdade, atingiu níveis invulgares e o Ministério Público, não consegue agir em tempo útil.  «Outra forma de pressão. O Sr.primeiro-ministro, Patrice Trovoada, acusou publicamente numa entrevista difundida a 11 de setembro de 2016 pela TVS e a Rádio Nacional, que jornalista independente recebeu arma de guerra da Presidência da República. A Associação dos Jornalistas solicitou logo depois ao Ministério Público com carácter urgente para investigar o facto. Manifestou-se disponível a colaborar no que fosse necessário e fê-lo. A verdade é que passados quase oito meses, o Ministério Público ainda não divulgou o aguardado relatório», denunciou a Associação dos Jornalistas.
divulgou o aguardado relatório», denunciou a Associação dos jornalistas - Excerto de  STP -  “Falar não Pode” Mais detalhes sobre a verdade dita pela AJS no dia da liberdade de imprensa, podem ser conhecidos aqui – Discurso AJS


LUSA  - (..) O presidente do sindicato dos jornalistas e técnicos da comunicação social (SJS), Helder Bexigas, denunciou, por seu lado, a marginalização de alguns jornalistas nos órgãos públicos.


"Profissionais experientes e competentes são marginalizados, humilhados e silenciados, porque não se prestam a fazer o jogo da manipulação, da distorção dos factos e até da mentira", disse Helder Bexigas.

"O medo de pluralismo de opiniões, o medo de um saudável debate e de confronto de ideias, o medo de que todos os setores da sociedade estejam representados na comunicação social permitindo ao grande publico formular juízos e opiniões com base numa informação séria, isenta e imparcial", disseExcerto de  Dia mundial de liberdade de imprensa assinalado em São Tomé e



FORAM ESCOLHER UM JUIZ CALSSFICADO COM NOTA NEGATIVA E QUE ATROPELA AS LEIS  - COMÉDIA DA NOVA INVENTONA AO ESTILO CERVEJOLA - AGORA SOB O DISFARCE DE SUBVERSÃO À ORDEM CONSTITUÍDA 

O Téla Nón apurou nos corredores do Tribunal, que todos os juízes de instrução manifestaram-se impedidos para tratar deste caso. O Téla Nón registou também que a liderança do órgão de poder judicial, recorreu aos juízes jubilados, que também acabaram por não pegar no processo da alegada operação terrorista para subversão da ordem constitucional.

 O Juiz Bonfim do Tribunal da Região de Lembá, norte da ilha de São Tomé, acabou por ser a solução encontrada, para que o caso tivesse seguimento nos Tribunais.
https://www.telanon.info/sociedade/2018/08/09/27564/alegados-mercenarios-espanhois-aguardam-julgamento-em-prisao-preventiva/

 QUEM É O JUIZ “BOM-FIM”?  - O mesmo juiz que  ousou subverter o Acórdão do Supremo Tribunal de Justiça e devolver a fábrica de cervejas aos Irmãos Monteiros, amigalhaços de Patrice Trovoada
https://www.telanon.info/sociedade/2018/05/10/26951/juiz-bonfim-de-lemba-deu-fim-a-rosema/


ONDE É QUE UM TRIBUNAL DE 1ª INSTÂNCIA PODE ANULAR ACÓRDÃOS DE UM TRIBUNAL SUPERIOR? - Claro, na república das bananas liderada por Patrice Trovoada e coadjuvada pelo seu pau-mandado, Evaristo Carvalho
O Juiz do Tribunal da Primeira Instância de Lembá, distrito onde se localiza a cervejeira Rosema, emitiu uma sentença que alegadamente anulou o acórdão do Supremo Tribunal de Justiça de 27 de Abril último que ordenou a restituição imediata da Cervejeira Rosema, ao empresário angolano Melo Xavier.
O Juiz António Bonfim Gentil Dias, do Tribunal da Primeira Instância do distrito de Lembá, lavrou uma sentença com base numa providência cautelar interposta pela defesa dos Irmãos Monteiros.


A sentença do tribunal de Lembá, com data de 7 de Maio devolve a fábrica de cervejas aos Irmãos Monteiros, e parece que anula o Acórdão do Supremo Tribunal de Justiça. Aliás o Juiz Bonfim, põe fim a sua sentença, ordenando que os representantes do grupo angolano que receberam a cervejeira Rosema, devolvam as chaves e todo o resto aos Irmãos Monteiros.

 Operação Rosema” : Parlamento exonera juízes do Supremo -  Mas esqueceu-se de que há um juiz com nota de medíocre, que foi reintegrado

Com 31 votos a favor, sendo 28 da bancada parlamentar do partido no poder a ADI, e 3 votos da bancada parlamentar do partido MLSTP, a Assembleia Nacional de São Tomé e Príncipe aprovou esta tarde uma resolução, que exonera os Juízes Conselheiros do Supremo Tribunal de Justiça nomeadamente Maria Alice Carvalho, Frederico da Glória, e Manuel Silva Gomes Cravid, este último Presidente do Supremo Tribunal de Justiça.

«O que assistimos aqui foi mais um acto de violação da constituição política promovido pelo ADI», referiu Danilson Cotu, líder da bancada parlamentar do partido PCD, cujos 5 deputados votaram contra a resolução. “Operação Rosema” : Parlamento exonera juízes do Supremo – Téla ...

Exoneração de juízes são-tomenses é inconstitucional - Constitucionalista Jorge Miranda https://www.dn.pt/lusa/interior/exoneracao-de-juizes-sao-tomenses-e-inconstitucional---constitucionalista-jorge-miranda-9338161.html

AFINAL PATRICE TINHA RAZÃO AO DIZER QUE OS JUÍZES CLASSIFICADOS COM NOTA MEDÍOCRE PODERIAM SER ÚTEIS NOUTRAS TAREFAS - Pelos vistos, utilissímos aos inimigos da democracia e de uma justiça independente, credível, imparcial  e competente

Para Patrice Trovoada os juízes considerados medíocres nos resultados da inspeção aos magistrados judiciais, poderão ser úteis em outros sectores do país.“Se não tem aptidão podem fazer outra coisa. O governo está disponível para coloca-los noutro sector, não são pessoas inválidas. São pessoas que para determinada função foram consideradas inaptas. E qual é o problema?», afirmou o Chefe do Governo. Patrice- “Juízes medíocres podem ser úteis noutros sectores

13/05/2016 Juízes classificados como medíocres foram suspensos – Téla Nón – quem não é da canalha leva com a metralha - Entre os quais estava um tal Juiz António Bonfim Gentil Dias, do Tribunal da Primeira Instância do distrito de Lembá, Que, afinal de contas, até revela ser um bom aliado da canalha


GOVERNO DE PATRICE TROVOADA, SUBVERTEU A EVOLUÇÃO DEMOCRÁTICA DE STP E TRANSFORMOU ESTE PACIFICO E MARAVIHOSO PAÍS NUMA PLATAFORMA DE CRIME ORGANIZADO
Tal como é reconhecido por observadores internacionais, “ao contrário de outros países africanos, a reforma democrática não começou com o fim da Guerra Fria, pois foram iniciadas medidas concretas no final da década de 1980, com o MLSTP convidando políticos seniores exilados a retornar ao país e introduzindo algumas reformas políticas.





Nenhum comentário :