expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Quem sou eu

Minha foto
Entre outros assuntos, falo da escalada ao Pico Cão Grande e das minhas aventuras em canoas – Visam defender a teoria de que antigos povos africanos, podiam ter sido os primeiros povoadores das Ilhas do Golfo da Guiné, antes dos colonizadores – Parti à meia-noite, disfarçado de pescador, ligando a ilha do Príncipe. Para me orientar, uma rudimentar bússola – A canoa era minúscula, à segunda noite adormeci: rolei na escuridão das vagas. No regresso fui distinguido com sopapos da policia salazarista, enviado para os calabouços – Cinco anos depois, numa piroga maior, fiz a ligação São Tomé-Nigéria. Partindo igualmente à noite, 13 dias depois atingia uma praia de Calabar, tendo sido detido 17 dias por suspeita de espionagem. - No mesmo ano, já com São Tomé e Príncipe independente, tentei a travessia São Tomé ao Brasil, usando os mesmos recursos. Além de pretender reforçar a minha teoria, desejava evocar a rota da escravatura e repetir a experiência de Alain Bombard. Porém, quis a ironia do destino que vivesse a difícil provação de um naufrágio de 38 longos dias, tendo aportado numa praia de Bioko (Bococo)onde fui recambiado para a famosa prisão de Black Beach

quinta-feira, 1 de novembro de 2018

Clube de Atletismo de Oliveira do Bairro - Aposta firme na formação e faz campeões – Um deles é um jovem da diáspora santomense - Omar Elkhatib sagrou-se vice-campeão nacional de juvenis em Pombal.


Jorge Trabulo Marques - Jornalista 


Clube de Atletismo de Oliveira do Bairro/Aposta firme na formação com resultados imediatos

“O Clube de Atletismo de Oliveira do Bairro nasceu em 4 de Outubro do ano passado. Renato Duarte é o presidente do clube que apostando exclusivamente no atletismo, apresenta ao fim de um ano de atividade, excelentes resultados na formação. Com 51 atletas, teve quase uma centena de pódios regionais e nacionais.

O Clube de Atletismo de Oliveira do Bairro (CAOB) comemorou o seu primeiro aniversário no passado 4 de Outubro. Nasceu a partir de um pequeno grupo de treino, constituído por um treinador e meia dúzia de jovens atletas, que, durante o ano 2016, passou a desenvolver a sua atividade no Estádio Municipal de Oliveira do Bairro.

O grupo foi crescendo naturalmente e daí ao nascimento de um clube, foi um passo. Renato Duarte, que está na origem do grupo, diz-nos que podiam ter optado pela criação de uma seção de atletismo num dos clubes já existentes. Mas a decisão coletiva foi criar-se um novo clube, exclusivamente dedicado ao atletismo.



JOVEM DA DIÁSPORA SANTOMENSE - CONSAGRA-SE CAMPEÃO NACIONAL DE JUVENIS EM PORTUGAL -Omar Elkhatib sagrou-se vice-campeão nacional de juvenis em Pombal. – Omar Marques Elkhatib Santomense de 17 anos Se Deus querer vão ser Grande atletas internacional – Diz-nos Mohammad Katib, que teve a gentileza de nos enviar algumas imagens – Dizendo-nos que a sua irmã Ãna Marques Elkhatib De 13 anos, também vai pelo mesmo caminho


 O atleta do Clube de Atletismo de Oliveira do Bairro (CAOB), de origem santomense,  "garantiu a medalha de prata nos 300m e bateu os recordes distritais de juvenis e juniores com 36.32 segundos. Uma conquista histórica para o jovem clube oliveirense, que se vê assim representado pela primeira vez num pódio ao mais alto nível nacional, apenas três meses depois da sua fundação.

Perante os melhores portugueses da actualidade, Omar Elkhatib impôs-se com uma forte ponta final que lhe valeu a medalha de prata. Ele que partia para esta prova com a 4ª marca, entre os inscritos.

Com escassos meses de experiência no atletismo, Omar fez o melhor tempo de sempre, de atletas juvenis e juniores aveirenses, em pista coberta. O anterior recorde distrital (36.64) tinha quase 12 anos

Omar Elkhatib sagrou-se vice-campeão nacional de juvenis, em Pombal. O atleta do Clube de Atletismo de Oliveira do Bairro (CAOB) garantiu a medalha de prata nos 300m e bateu os recordes distritais de juvenis e juniores, com 36.32 segundos.

Uma conquista histórica para o jovem clube oliveirense, que se vê assim representado pela primeira vez num pódio ao mais alto nível nacional, apenas três meses depois da sua fundação.

Perante os melhores portugueses da atualidade, Omar Elkhatib impôs-se com uma forte ponta final que lhe valeu a medalha de prata, ele que partia para esta prova com a 4.ª marca entre os inscritos.

Com escassos meses de experiência no atletismo, Omar fez o melhor tempo de sempre, de atletas juvenis e juniores aveirenses, em pista coberta. O anterior recorde distrital (36.64) tinha quase 12 anos.

Pódios em Coimbra. O CAOB colecionou uma dezena de pódios num torneio de pista disputado no Estádio Cidade de Coimbra e que serviu para vários dos atletas de Oliveira do Bairro baterem os seus recordes pessoais, com destaque em infantis femininos. Na velocidade (60m), Carolina Peres e Luciana Santos fizeram os melhores tempos da geral, com 8.94 e 8.98 segundos. As únicas com marcas na casa dos 8 segundos. Lara Pinto foi 4.ª com 9.20), Maria Vieira (6.ª com 9.35), Mariana Oliveira (8.ª com 9.71) e Maira Silva (15.ª com 10.04).

No mesmo escalão, mas no salto em comprimento, nova dobradinha para a equipa oliveirense, através de Maria Vieira (1.ª com 3,74m) e Carolina Peres (2.ª com 3,40m).
Nos 1000m, Beatriz Azevedo foi a melhor infantil do CAOB, em 2.º lugar, com 3m28s. Luciana Santos foi 4.ª com 3m32s), Lara Pinto (6.ª com 3m35s), Maira Silva (9.ª com 3m57s) e Mariana Oliveira (11.ª com 3m59s).


Novo destaque em femininos para a medalha alcançada em benjamins, por Maria Monteiro (3.ª com 8.33 segundos), nos 50m. Gabriela Duarte foi 4.ª com 8.68. Já nos 600m, as mesmas atletas foram, pela mesma ordem, as 7.ª e 8.ª classificadas, com 2m23s e 2m26s.

Em masculinos, Tomás Bartolomeu e João Pedro Santos estrearam-se da melhor forma no escalão de iniciados. Foram 1.º e 3.º classificados (3m18s e 3m20s) numa tática prova de 1000m, com nova dupla presença no pódio, para o CAOB.

Em benjamins, Duarte Vilas Boas venceu a corrida de 600m, com 1m59s e, Fanilson Costa, estreante em infantis, foi 5.º nos 60 e nos 1000m.

Destaque final para a vitória folgada do juvenil Omar Elkhatib, numa corrida de 100m que não contou com cronometragem eletrónica. Na mesma prova, Marcelo Reis, também ele juvenil, foi 4.º.https://www.jb.pt/2018/01/omar-elkhatib-caob-sagra-se-vice-campeao-nacional/

Clube de Atletismo de Oliveira do Bairro/Aposta firme na formação com resultados imediatos
“O Clube de Atletismo de Oliveira do Bairro nasceu em 4 de Outubro do ano passado. Renato Duarte é o presidente do clube que apostando exclusivamente no atletismo, apresenta ao fim de um ano de atividade, excelentes resultados na formação. Com 51 atletas, teve quase uma centena de pódios regionais e nacionais.
O Clube de Atletismo de Oliveira do Bairro (CAOB) comemorou o seu primeiro aniversário no passado 4 de Outubro. Nasceu a partir de um pequeno grupo de treino, constituído por um treinador e meia dúzia de jovens atletas, que, durante o ano 2016, passou a desenvolver a sua atividade no Estádio Municipal de Oliveira do Bairro.
O grupo foi crescendo naturalmente e daí ao nascimento de um clube, foi um passo. Renato Duarte, que está na origem do grupo, diz-nos que podiam ter optado pela criação de uma seção de atletismo num dos clubes já existentes. Mas a decisão coletiva foi criar-se um novo clube, exclusivamente dedicado ao atletismo.

Direção com apenas três membros

Renato Duarte é o presidente por ter assumido o cargo no momento em que era necessário lançar as bases do CAOB. Mas ele é fundamentalmente o coordenador técnico da equipa de atletismo. A gestão do CAOB é uma missão abrangente, com os treinadores e um grupo de pais muito participativo.

“Temos uma Direção pequena, com apenas três elementos (presidente, secretário e tesoureiro). Mas na realidade, temos vários outros elementos que trabalham na sombra e com plena autonomia. Responsabilizando-se muitas vezes por representar o CAOB nas reuniões e contactos com autarquias e outras entidades”.

O clube federou 51 atletas na sua primeira época. Após as férias de verão, já se juntaram à equipa quase uma dezena de novos atletas.

Tem atualmente cerca de meia centena de sócios, a maioria deles, pais dos atletas, e que pagam anualmente uma quota de 15 euros. Segundo Renato, por cada novo atleta que se inscreva, deve haver um encarregado de educação a fazer-se sócio do clube. “Esta é uma filosofia que incentivamos, e que, regra geral, tem boa adesão por parte das pessoas”.

“Somos cada vez mais procurados por pais que ouvem falar deste projeto e pretendem inscrever os filhos”

Cada atleta treina semanalmente com três treinadores diferentes

A Secção de Atletismo é a única a funcionar no CAOB. “Pretendemos focar os recursos no desenvolvimento das condições de trabalho da equipa, fazendo deste um espaço em que todos se sintam bem e tenham as condições para evoluir desportivamente”.

Renato Duarte, Tiago Ferreira e João Gonçalves são os três treinadores do CAOB. Eles repartem entre si o acompanhamento dos atletas. Os três sub-grupos criados são orientados, pelo menos uma vez por semana, por cada um dos três treinadores, para garantir que todos os atletas “bebem” um pouco de cada treinador. O clube tem contado ainda com o apoio de Carla Reis, campeã nacional Sub23, nos 3000 m obstáculos, e campeã de Portugal (pista coberta), nos 1500 m.

Treinos na pista de alcatrão do Estádio Municipal

O clube debate-se com falta de infraestruturas. Ainda não tem a sua sede e os treinos decorrem na pista de alcatrão do Estádio Municipal de Oliveira do Bairro. As reuniões de Direção são em espaços informais. As Assembleias Gerais e reuniões de pais, são numa coletividde vizinha que também recebe a correspondência postal. CAOB_ Clube de Atletismo de Oliveira do Bairro - Página inicial ...




Nenhum comentário :