expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Quem sou eu

Minha foto
Entre outros assuntos, falo da escalada ao Pico Cão Grande e das minhas aventuras em canoas – Visam defender a teoria de que antigos povos africanos, podiam ter sido os primeiros povoadores das Ilhas do Golfo da Guiné, antes dos colonizadores – Parti à meia-noite, disfarçado de pescador, ligando a ilha do Príncipe. Para me orientar, uma rudimentar bússola – A canoa era minúscula, à segunda noite adormeci: rolei na escuridão das vagas. No regresso fui distinguido com sopapos da policia salazarista, enviado para os calabouços – Cinco anos depois, numa piroga maior, fiz a ligação São Tomé-Nigéria. Partindo igualmente à noite, 13 dias depois atingia uma praia de Calabar, tendo sido detido 17 dias por suspeita de espionagem. - No mesmo ano, já com São Tomé e Príncipe independente, tentei a travessia São Tomé ao Brasil, usando os mesmos recursos. Além de pretender reforçar a minha teoria, desejava evocar a rota da escravatura e repetir a experiência de Alain Bombard. Porém, quis a ironia do destino que vivesse a difícil provação de um naufrágio de 38 longos dias, tendo aportado numa praia de Bioko (Bococo)onde fui recambiado para a famosa prisão de Black Beach

sexta-feira, 25 de janeiro de 2019

“Angola é o PALOP onde a população mais sofre com a fome, aponta índice global” - O BAIRRO DA JAMAICA, NO SEIXAL, NÃO MORA EM LUANDA MAS EXISTEM LÁ OUTROS BAIRROS PERIFÉRICOS, BEM PIORES - O QUE FAZ INCHAR BARRIGAS DE BALÃO, APERTAR O CINTO DEIXAR AS COSTELAS DESENHADAS NA PELE OU FAZER CAMBALEAR AS CRIANÇAS COM PERNAS DE GALINHA, - MAIS DE QUE DESENVERGONHADO RACISMO É DE UMA INSENSÍVEL CRUELDADE – Portugal tem preconceito com africanos, diz filha de Eduardo dos Santos – E quais os preconceitos de quem ldesvia as riquezas de Angola?

Jorge Trabulo Marques - Jornalista - Informação e análise  -Primeiro-ministro português pede confiança na polícia e nos inquéritos sobre violência no bairro da Jamaica - , António Costa, afirma que "se houve uma ação de violência policial, ela tem de ser devidamente apurada e punida. E se há ações de violência contra a polícia, também têm de ser punidas".LUSA

 
ESTA IMAGEM DEVIA ESTAR AO CONTRÁRIO - COMPARAM AS MELHORES EMPRESAS COM O DINHEIRO DOS CONTRIBUINTES PORTUGUESES 


  28 de Novembro de 2011"A dívida de Angola a Portugal totaliza 1,04 mil milhões de euros, anunciou o ministro das Finanças angolano, citado pela agência Angop. –Lusa 


ATÉ HOJE NÃO HOUVE NOTÍCIAS DE QUE A DÍVIDA CONTRAÍDA PELA CORRUPÇÃO ANGOLANA, TENHA SIDO SALDADA   - ECLIPSADA NOS JOGOS DO GOVERNO DE PASSOS, PORTAS E RELVAS 




TODAVIA, A POPULAÇÃO CONTINUA A VIVER NA MISÉRIA  E EM CONDIÇÕES BEM MAIS ADVERSAS QUE NO CHAMADO BAIRRO DA JAMAICA, NO SEIXAL 

 "Os esquecidos da Kinanga ou as promessas de realojamento por cumprir do Governo angolano"

"Várias centenas de famílias vivem em condições muito precárias no bairro da Kinanga, um dos bairros mais pobres da capital angolana, enquanto aguardam o prometido realojamento no Zango.

Há três anos, cerca de 500 famílias, que viram as suas casas serem demolidas na Areia Branca e que passaram duas semanas desabrigadas, construíram habitações de chapa e de papelão, junto a um depósito de lixo na Kinanga. https://www.dw.com/pt-002/os-esquecidos-da-kinanga-ou-as-promessas-de-realojamento-por-cumprir-do-governo-angolano/a-19545644


APESAR DE TUDO VEJA-SE A  DIFERENÇA COM AS IMAGENS  DO BAIRRO DA JAMAICA COM AS MISERÁVEIS BARRACAS DAS FAVELAS ANGOLANAS



apesar de tudo comparado com as barracas de Luanda
“A Embaixada da República de Angola em Portugal tomou conhecimento de uma rixa entre duas senhoras, sendo uma cidadã angolana, depois de terem saído de uma festa, no bairro Jamaica. Lamentavelmente, ao responder ao apelo feito por uma das partes, as autoridades policiais viram-se envolvidas numa situação de resistência, desrespeito e agressão às autoridades o que derivou no uso excessivo da força exercida contra familiares da cidadã angolana que acorreram ao local”, refere a embaixada em comunicado enviado esta terça-feira à Lusa
https://observador.pt/2019/01/22/embaixada-de-angola-quer-responsabilidades-apuradas-no-caso-do-bairro-jamaica/


Primeiro-ministro português pede confiança na polícia e nos inquéritos sobre violência no bairro da Jamaica 

"António Costa falava aos jornalistas após ter visitado o espaço da Ephemera, Arquivo e Biblioteca José Pacheco Pereira, no Barreiro, acompanhado da ministra da Cultura, depois de ter sido questionado pelos jornalistas sobre os incidentes no bairro da Jamaica, no Seixal.
"Não podemos dramatizar aquilo que são incidentes nem banalizar a situação. Temos boas razões para confiar na nossa polícia, como temos boas razões para confiar nos cidadãos que vivem em Portugal, sejam portugueses ou estrangeiros, não transformando um caso concreto num paradigma e numa realidade que não é a nossa", reagiu o primeiro-ministro
https://www.dn.pt/poder/interior/costa-pede-confianca-na-policia-e-nos-inqueritos-sobre-violencia-no-bairro-da-jamaica--10485423.html

 A RECUPERAÇÃO  DO BAIRRO ATÉ IA BEM  - MAS ESTES FACTOS NÃO INTERESSAVAM AOS FOMENTADORES DA INTRIGA E DO ÓDIO POLITICO E RACIAL  - QUE PREFEREM FAZER VISTA GROSSA DO QUE VAI  EM ÁFRICA E DESVIAR AS ATENÇÕES PARA BEM LONGE

Bairro da Jamaica: “Agora as amigas da minha filha podem vir a nossa casa. Antes tinham medo”

19 dez, 2018 - 13:27 • João Carlos Malta , Joana Bourgard (fotografia)


O maior bairro ilegal do país, localizado no Seixal, começa a desaparecer. 

Desde segunda-feira decorre o processo de realojamento de 64 famílias. Para quase 200 pessoas não vai ser só a morada a alterar-se. Será toda uma nova forma de viver que vão ter de aprender. Retrato de uma mudança que todos querem que não volte a criar um gueto.



(...) Nos últimos três dias, está em marcha o início do fim do bairro da Jamaica, situado no Vale de Chicharros, no Seixal. Começou pelo bloco 10 – um aglomerado de 30 apartamentos, onde viviam o dobro das famílias que a capacidade do prédio possuía. A chegada de novas pessoas levou as casas a serem subdivididas. O crescimento descontrolado foi fluido e sem regras. As condições de vida eram sub-humanas.

No total, são 64 famílias que vão ser realojadas em casas camarárias dispersas por todo o concelho. O "bairro maldito", há décadas associado a criminalidade, toxicodependência e pobreza, nasceu ilegal na década de 1990, e assim permaneceu. https://rr.sapo.pt/el/134678/bairro-da-jamaica-agora-as-amigas-da-minha-filha-podem-vir-a-nossa-casa-antes-tinham-medo

A  burguesia vaidosa e endinheirada angolana continua a comprar Portugal - - Não investe em angola, porque, uma grande parte da população não tem poder de compra, vive abaixo do limiar da miséria - "Os indicadores mostram que a incidência da pobreza em Angola está entre os piores do mundo - não só em termos de níveis de renda, mas também em termos de prestação de serviços públicos, como saúde e educação""



A dívida de Angola a Portugal totalizava 1,04 mil milhões de euros, em Nov de 2011 - Que o trio, Passos, Portas e Relvas, fez desaparecer https://www.publico.pt/2011/11/28/economia/noticia/divida-de-angola-a-portugal-totaliza-104-mil-milhoes-de-euros--1522965

DEPOIS AINDA VEM UMA REFINADA CÍNICA MIMADA , QUE ENRIQUECEU À CUSTA DOS ALTOS JOGOS DA CORRUPÇÃO, ARMADA EM MORALISTA "Portugal tem preconceito com africanos, diz filha de Eduardo dos Santos - A empresária e deputada angolana 'Tchizé' dos Santos defende uma reflexão na sociedade portuguesa sobre os "desequilíbrios" e o "preconceito", https://www.jn.pt/mundo/interior/portugal-tem-preconceito-com-africanos-diz-filha-de-eduardo-dos-santos-10420206.html~

E QUE DIZ A PARASITA DESTA REFLEXÃO? Angola é o PALOP onde a população mais sofre com a fome, aponta índice global “ – 

E QUEM APURA ESTAS RESPONSABILIDADES? MAS PREOCUPAM-SE COM O QUE VAI FORA DO SEU PAIS:

Angola está na lista dos 50 países com as taxas mais alarmantes no Índice Global da Fome . Estudo diz que é preciso acelerar o combate à fome, caso contrário a meta de Fome Zero até 2030 não será atingida

Angola é o País Africano de Língua Oficial Portuguesa onde a população mais sofre por causa da fome. A informação foi divulgada nesta terça-feira (11.10.), em Berlim, na apresentação do relatório 2016 do Índice Global da Fome. O relatório inclui Moçambique e Guiné-Bissau, que também registam altos índices de fome.
 https://www.dw.com/pt-002/angola-%C3%A9-o-palop-onde-a-popula%C3%A7%C3%A3o-mais-sofre-com-a-fome-aponta-%C3%ADndice-global/a-36018585


Angola no meio de uma terrível seca e fome. E os sacadores a esbanjarem milhões na propaganda e noutros luxos
A Federação Internacional da Cruz Vermelha (IFRC) lançou terca-feira, 13 de Novembro, um apelo de emergência para responder à crise alimentar em Angola. O pedido de urgência, baseado num apelo da Cruz Vermelha de Angola (CVA), pretende angariar mais de US $1,5 milhão e destina-se à distribuição de alimentos a 60 mil pessoas.Emergency appeal Angola: Food insecurity - ReliefWeb


Isabel dos Santos e a Amorim Energia devem 1,6 MIL MILHÕES de euros ao BPN... que compraram por meros 40!!! Angolanos do BIC ficam com BPN por 40 milhões de euros

40???


"Até hoje não se descobriu quem vai pagar esta dívida que vale exactamente 40 VEZES o valor pelo qual o próprio banco foi vendido!


É como dever-se 1000 euros no talho e depois comprar-se o estabelecimento por 25 euros... não se pagando os 1000 que se devia...Com esses 1,6 mil milhões nos seus cofres provavelmente o BPN não seria vendido, não é?Isabel dos Santos e a Amorim Energia devem 1,6 MIL
.


 


Nenhum comentário :