expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Quem sou eu

Minha foto
Entre outros assuntos, falo da escalada ao Pico Cão Grande e das minhas aventuras em canoas – Visam defender a teoria de que antigos povos africanos, podiam ter sido os primeiros povoadores das Ilhas do Golfo da Guiné, antes dos colonizadores – Parti à meia-noite, disfarçado de pescador, ligando a ilha do Príncipe. Para me orientar, uma rudimentar bússola – A canoa era minúscula, à segunda noite adormeci: rolei na escuridão das vagas. No regresso fui distinguido com sopapos da policia salazarista, enviado para os calabouços – Cinco anos depois, numa piroga maior, fiz a ligação São Tomé-Nigéria. Partindo igualmente à noite, 13 dias depois atingia uma praia de Calabar, tendo sido detido 17 dias por suspeita de espionagem. - No mesmo ano, já com São Tomé e Príncipe independente, tentei a travessia São Tomé ao Brasil, usando os mesmos recursos. Além de pretender reforçar a minha teoria, desejava evocar a rota da escravatura e repetir a experiência de Alain Bombard. Porém, quis a ironia do destino que vivesse a difícil provação de um naufrágio de 38 longos dias, tendo aportado numa praia de Bioko (Bococo)onde fui recambiado para a famosa prisão de Black Beach

segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

ANGOLA RENOVADA DE JOÃO LOURENÇO – REFORÇA LAÇOS DE COOPERAÇAO COM O GOVERNO SANTOMENSE DE JORGE BOM JESUS – Depois de manifestar o seu apoio para ajudar a resolver a curto prazo a crise que o arquipélago enfrenta na produção de energia elétrica, pretende agora também reativar a cooperação no sector de imprensa, designadamente, a TVS, Rádio Nacional e a STP-Press, através das suas congéneres angolanas, – revelou hoje a STP-Press uma fonte da secretaria do Estado são-tomense para Comunicação Social. – De recordar , o saque de Pinta Cabra à ROSEMA, do empresário angolano, Mello Xavier e os largos milhões de dívidas ao Estado Angolano – Mas que deverá ser devolvida ao seu antigo empresário, sacudidas que vão sendo as alavancas judiciais do foragido


JORGE TRABULO MARQUES - JORNALISTA - INFORMAÇÃO E ANÁLISE

A presidência de João Lourenço, que já havia dado mostras de que não estava interessada em pactuar com as manobras e as falcatruas do regime de Patrice Trovoada,
vem de novo reforçar a confiança e os antigos laços, que unem os dois países irmãos: depois de, em meados de Dezembro passado, ter 13/12/2018, o Governo angolano  ter enviado uma equipa técnica para ajudar à reparação dos grupos geradores existentes no país, com gravíssimas perturbações  na vida económica e das populações, surge, entretanto,  além de outros sinais de amizade, mais uma interessante noticia, 

Jorge Bom Jesus - Primeiro-ministro de STP
Refere a  agência noticiosa STP “Angola está disposta em reactivar a cooperação com São Tomé e Príncipe no sector de imprensa, designadamente, a TVS, Rádio Nacional e a STP-Press, através das suas congéneres angolanas, – revelou hoje a STP-Press uma fonte da secretaria do Estado são-tomense para Comunicação Social.

ESPERA-SE É QUE NÃO ESTEJAM EMPRESAS CHINESAS POR DETRÁS  

 De  RECORDAR que, ainda recentemente, a china anunciava que  a Startimes da China inicia em 2019 a modernização e digitalização da Rádio e TVS http://www.stp-press.st/2018/12/25/startimes-da-china-inicia-2019-modernizacao-digitalizacao-da-radio-tvs/


(…) Há pouco mais de um mês, o presidente angolano, João Lourenço felicitou o novo primeiro-ministro de São Tomé e Príncipe, Jorge Bom Jesus, empossado em Dezembro último, numa mensagem em que manifestou a vontade em “redinamizar” as relações bilaterais a vários níveis entre Angola e São Tomé e Príncipe.Fim/AD http://www.stp-press.st/2019/01/14/angola-disponivel-reactivar-cooperacao-sao-tome-principe-na-area-da-comunicacao-social/

 NÃO ESQUECER OS AVISOS LANÇADOS A PINTA CABRA. POR JOÃO LOURENÇO,  DEFENDENDO   FRONTEIRAS E INTERESSES INTERNOS EXTERNOS – RETIRANDO  QUALQUER APOIO AO REGIME DE PATRICE TROVOADA  - Até porque, certamente, não desejaria reforçar laços com troca-tintas - Patrice Trovoada lado a lado com a UNITA na reunião da IDC –UNITA de Angola e ADI de Patrice Trovoada são aliados no quadro da Internacional Democrática do Centro

DA PARTE DO EMBAIXADOR DE ANGOLA EM S. TOMÉ, TAMBÉM NÃO DEIXOU DE LANÇAR ALGUNS RECADOS

Após apresentar as suas credenciais, o novo embaixador de Angola em São Tomé e Príncipe, Joaquim Duarte Pombo, evocou o assunto que tem estado a abalar as relações entre os dois países, o caso Rosema.

Joaquim Duarte Pombo, novo embaixador de Angola no arquipélago, expressou o desejo de que as relações bilaterais entre os dois países não sejam e não serão afectadas pelo caso Rosema, remetendo para a justiça das duas Nações a resolução desse contencioso.Maximino Carlos http://pt.rfi.fr/sao-tome-e-principe/20180420-embaixador-de-angola-em-sao-tome-pede-paciencia-no-caso-rosema  ...Joaquim Duarte Pombo, novo Embaixador de Angola para São Tomé

ROSEMA :  CONSELHO SUPERIOR DE MAGISTRATURA PÓS FIM AO MANDADO DO JUIZ BONFIM –  E TUDO APONTA QUE A EMPRESA SEJA DEVOLVIDA AO EMPRESÁRIO ANGOLANO MELO XAVIER

Tal como referirmos, em anterior postagem, o Conselho Superior da Magistratura Judicial, decidiu «Suspender o Dr. António Bonfim Gentil Dias, Juiz de Direito do exercício da função de juiz de direito do Tribunal da Primeira Instância de São Tomé e Príncipe devendo o mesmo proceder a entrega da viatura bem como as chaves do gabinete aos serviços administrativos dos Tribunais»

 
Em seu lugar,  foi nomeado o juiz José Carlos Barreiros, foi nomeado pelo Conselho Superior da Magistratura Judicial para ocupar a função de juiz do Tribunal Distrital de Lembá.

Por sua vez, o jornal Téla Nón, além da noticia, traça  também pormenores da cronologia, recuando a 7 de Maio,em que  Uma sentença de um Tribunal Distrital que anulou o acórdão do Supremo Tribunal de Justiça, emitido no dia 7 de Abril de 2018, que retirou a Rosema das mãos dos Irmãos Monteiros e entregou ao proprietário original, o empresário angolano Melo Xavier.https://www.telanon.info/sociedade/2019/01/14/28508/rosema-csmj-pos-fim-ao-mandato-do-juiz-bonfim/

Pouco a pouco, as pedras que foram usadas, descaradamente, por Patrice Trovoada  para subverter o sistema judicial santomense, desde exoneração e aposentação compulsiva ., do Juiz Conselheiro, Manuel Cravid, eleito democraticamente pelos seus pares, em Abril de 2017  Presidente do STJ a outos instrumentos de que se serviu para se perpetuar no poder e se safar dos saques ao património público, começam a ser desmantelados 


ERA PREVISÍVEL QUE AS ALAVANCAS DOS FINANCIADORES DO REGIME DE PINTA CABRA, NÃO DEIXASSEM DE SE MOVIMENTAR E REAGIR -JORGE BOM JESUS, TERÁ DE ESTAR ATENTO AOS VÁRIOS DISPAROS, INCLUINDO AOS DO PARTIDO FORMADO PELA DUPLA MORTEIROS –


Kelve Nobre de Carvalho
Kelve- Numa de relaxe
AS PEDRAS DO FORAGIDO, MOVIMENTAM-SE E REAGEM -


Tal como nos referirmos, no passado dia 6, a primeira alavanca a reagir veio do Kelve Nobre de Carvalho, Procurador-geral são-tomense pedindo “respeito mútuo” entre justiça e política – Alavanca nomeada por Pinta Cabra, em Agosto passado, em mais um assalto à justiça, de trocas e baldrocas, sintonizado com Evaristo Carvalho, declarou à imprensa liberal portuguesa, que está preocupado " com a atual situação da justiça no país – Nobre de Carvalho, que substituiu Frederique Samba, que se demitiu antes de concluir o mandato, para concorrer ao cargo de juiz conselheiro do Supremo Tribunal de Justiça (STJ) e logo ser nomeado novo Presidente do Conselho de Administração dos Tribunais Kelve Nobre de Carvalho, Procurador-geral são-tomense pede

A DUPLA, COM O PARTIDO FANTOCHE DOS DOIS DEPUTADOS, QUE TACITAMENTE VOTOU AO LADO DA COLIGAÇÃO, É NATURAL QUE VENHA ARREBITAR A CRISTA - MAS DE NADA LHE VALERÁ, SE LHES FOR RETIRADA A ÁRVORE DAS PATACAS, DIFICILMENTE PODERÃO VIR A TER VOZ ATIVA - Se bem que possam encontrar também algumas cumplicidades no MLSTP. - Todavia, há uma realidade insofismável: a de que, ADI, com ou sem Pinta Cabra, dificilmente poderá recompor-se tão cedo - Pelo que, novas eleições, a curvo ou médio prazo, até poderão vir a reforçar ainda mais o Governo de Jorge Bom Jesus.
Diz Octávio Octavio Bandeira, que ADELINO PEREIRA ADVOGADO DOS IRMÃOS MORTEIROS REAGE A DECISÃO DO SUPREMO TRIBUNAL DE JUSTIÇA EM SUSPENDER O JUIZ DE LEMBÁ

"Estranho é Adelino Pereira não ter reagido aquando da carta rogatória enviada pelo Tribunal de Angola ao Tribunal Santomense, no qual baseou a decisão do Supremo Tribunal de justiça que havia ordenado a entrega da cervejaria Roseana ao seu verdadeiro dono Melo Xavier, desobedecido pelo juiz Bonfim.

Por isso, nesta ordem de ideias, o processo disciplinar e consequente suspensão do conhecimento do referido Juiz, está bem tomada e de acordo a lei.

De igual modo, o Excelentíssimo juiz, José Carlos Barreiro, tem legitimidade para mandar trocar as fechaduras do Tribunal de Lembá, visto ser eie o nomeado em acumulação para ocupar o lugar por ordem superior.

O senhor Advogado Adelino Pereira tem que saber que nenhum tribunal inferior tem poderes para desobedecer ordens superiores do Supremo Tribunal de justiça.

Onde andava o senhor Advogado quando Patrice Trovoada andava a entrar na esfera da Justiça fora da lei?" - Questiona Octávio Bandeira, em



NÃO FAZ MAL AVIVAR A MEMÓRIA


ONDE É QUE UM TRIBUNAL DE 1ª INSTÂNCIA PODE ANULAR ACÓRDÃOS DE UM TRIBUNAL SUPERIOR? - Claro, na república das bananas liderada por Patrice Trovoada e coadjuvada pelo seu pau-mandado, Evaristo Carvalho
O Juiz do Tribunal da Primeira Instância de Lembá, distrito onde se localiza a cervejeira Rosema, emitiu uma sentença que alegadamente anulou o acórdão do Supremo Tribunal de Justiça de 27 de Abril último que ordenou a restituição imediata da Cervejeira Rosema, ao empresário angolano Melo Xavier.
O Juiz António Bonfim Gentil Dias, do Tribunal da Primeira Instância do distrito de Lembá, lavrou uma sentença com base numa providência cautelar interposta pela defesa dos Irmãos Monteiros.



Patrice e Evaristo 
A sentença do tribunal de Lembá, com data de 7 de Maio devolve a fábrica de cervejas aos Irmãos Monteiros, e parece que anula o Acórdão do Supremo Tribunal de Justiça. Aliás o Juiz Bonfim, põe fim a sua sentença, ordenando que os representantes do grupo angolano que receberam a cervejeira Rosema, devolvam as chaves e todo o resto aos Irmãos Monteiros.

 Operação Rosema” : Parlamento exonera juízes do Supremo -  Mas esqueceu-se de que há um juiz com nota de medíocre, que foi reintegrado

Com 31 votos a favor, sendo 28 da bancada parlamentar do partido no poder a ADI, e 3 votos da bancada parlamentar do partido MLSTP, a Assembleia Nacional de São Tomé e Príncipe aprovou esta tarde uma resolução, que exonera os Juízes Conselheiros do Supremo Tribunal de Justiça nomeadamente Maria Alice Carvalho, Frederico da Glória, e Manuel Silva Gomes Cravid, este último Presidente do Supremo Tribunal de Justiça.

«O que assistimos aqui foi mais um acto de violação da constituição política promovido pelo ADI», referiu Danilson Cotu, líder da bancada parlamentar do partido PCD, cujos 5 deputados votaram contra a resolução. “Operação Rosema” : Parlamento exonera juízes do Supremo – Téla ...

O foragido, Pinta Cabra,, atirou-se à magistratura, depois de a insultar com a leviana acusação de que Há uma máfia instalada nos tribunais do país de São Tomé e Principe , atitude desbocada e irresponsável de um chefe do Governo,  para com o respeito e independência que deve presidir entre os órgãos de soberania, sim, prepotência e  leviandade, inadmissíveis, que, por esta e por outras gravíssimas arbitrariedades,  mereceu dos juízes o epíteto de Ditador ,   e do maior partido de oposição, este elogio  MLSTP : “Patrice é o principal coordenador da Máfia nacional” – Téla .
 Mas qual é o empresário que pode investir em STP com um governo esbanjador, irresponsável e persecutório?   - É que, além de corrupto, o que não é novidade em parte alguma, é odioso e traiçoeiro - Não respeita  compromissos nem as leis 

PATRICE INVENTA NOVA NARRATIVA - ROUBARAM- LHE A FÁBRICA E QUERIAM QUE AINDA POR CIMA LHE METESSEM DINHEIRO NOS COFRES? – E então por que  só agora se lembram de que há dividas antigas?

Mais uma narrativa odiosa e persecutória de um governo desacreditado e  pirata – Depois das investidas ao STJ, eis o novo argumento de um pigmeu-megalómano -  
  
"Mello Xavier deve ao Estado são-tomense por fisco cerca de três milhões de euros – diz a propaganda oficiosa de Patrice Trovoada 
São-Tomé, 03 Mai (STP-Press) – O órgão de Execução Fiscal da Administração Tributária são-tomense revelou quarta-feira numa nota enviada ao advogado do Mello Xavier, Guilherme Pósser da Costa, que este deve ao fisco o valor de nDb. 71 431 955,44, o equivalente a €2 915 590, resultante da sua gestão e lucros obtidos na Cervejeira Rosema, entre os anos 2007 e 2009.

Lê-se na nota que o Executado Mello Xavier tem doravante dez (10) dias para pagar o referido valor ou nomear bens à penhora, cujo produto servirá para liquidar a dívida em mora. Note-se que a dívida entrou sucessivamente em mora nos anos de 2007, 2008 e 2009, e o Mello Xavier recusou sempre liquidar a sua dívida ao Estado, tendo feito sucessivas oposições, sem qualquer sucesso. https://www.stp-press.st/2018/05/03/mello-xavier-deve-ao-estado-sao-tomense-fisco-cerca-tres-milhoes-euros/

 Então quanto não deve a Angola os calotes de Patrice?- Já pensou nas obrigações que contraiu com os empréstimos que lhe foram concedidos? - Ou espera que lhe sejam dados de borla? O Estado são-tomense tem uma dívida superior a USD 40 milhões para com a ENCO  -Relativamente à dívida com a empresa angolana Sonangol, Olegario Tiny acusou o executivo de "estar a escamoteá-la" mas Patrice Trovoada garante que essa dívida existe. Economia - Dívida pública de São Tomé e Príncipe ultrapassa 400 ..

AFINAL QUEM DEVE? É NINO MONTEIRO OU MELLO XAVIER - Cervejeira Rosema do deputado “Nino Monteiro” é actualmente o maior devedor imune do Estado  Do buraco de 3 milhões e 131 mil euros no OGE para 2012 e que pode ser tapado com a cobrança das verbas dadas como perdidas pelas Finanças, mais de metade está nas mãos da cervejeira Rosema e do seu propritário Domingos Monteiro Fernandes. Desde 2010 que os cofres do Estado esperam pelos 58 mil milhões de dobras, cerca de 2 milhões 367 mil e 346 euros, que o deputado e empresário , vulgo Nino, e a cervejeira Rosema deveriam depositar no tesouro público. 

FMI - HAVIA LANÇADO O AVISO DE QUE OS CALOTES DEVEM SER PAGOS - UM DELES É GROSSA DIVIDA DE PATRICE A ANGOLA  - MILHÕES QUE PATRICE, NÃO PAGA - E, AFINAL, PARA ONDE TÊM ESCORRIDO OS APOIOS DE TANTA MASSA ?
De recordar que ainda, recentemente, o FMI veio  alertar o Governo de Patrice Trovoada  para a estagnação da economia, aconselhando a introdução do IVA e o pagamento da dívida externa a países como Angola, Nigéria, Guine Equatorial e Brasil.  http://pt.rfi.fr/sao-tome-e-principe/20180420-fmi-sao-tome-e-principe-economia-estagnada



Compreende-se , assim a  razão pela qual, Patrice Trovoada,  rompera o  acordo com a empresa  da Guiné-Equatorial, Sonagás, pouco depois de ter iniciado a sua  atividade, no ancoradouro da piscatória capital do distrito de Lembá, em  Neves, com o descarregamento de um navio com enormes esferas para a produção de gás de petróleo líquido (GLP) para abastecer o mercado do país insular  


Quando o projeto parecia sorrir a todos
A cabeça do Primeiro-ministro, Patrice Trovoada, é um catavento inconstante, inseguro e mais temido que respeitado, até pelos deputados da bancada do seu partido,por representar o símbolo do homem do saco (de barriga avantajada e de pasta recheada)   que financia, distribui cargos ou benesses - e, num pais pequeno e pobre, onde as hipóteses  de emprego são escassas, essa imagem tem  um tremendo peso

Presunçoso, megalómano e vaidoso mas sem postura credível e firmeza de Estado: daí a  tendência para as constantes passeatas ao estrangeiro,  não confiando nem na sombra que pisa; daí a necessidade de  mobilizar a temível tropa  Ruandesa para lhe garantir a segurança: 

Inventa e assina acordos de cooperação, com a mesma facilidade que o diabo esfrega um olho  mas  depois não os cumpre, visto que, rapidamente, são ignorados e lançados ao lixo, passa a outros lances de jogo,   tal como os que assumiu e depressa se esqueceu, com o acordo da instalação de gás na  baía de Neves, capital do distrito de Lembá, hoje está transformada num perigoso estaleiro para a navegação marítima 

ATAQUE CONCERTADO PARA DEFERIR LANÇAS À JUSTIÇA QUE QUER  DESPARASITAR AS TEIAS DA CASA

Em S. Tomé, o parasitismo politico tem vivido à sombra do orçamento do Estado e da corrupção, do que pode sacar ao património público   e aos fundos vindos do exterior, de cuja governação depende quase 100% -

A CERVEJEIRA ROSEMA -  uma das poucas empresas, instaladas neste pequeno país, tem sido o maná da propaganda partidária – As novelas judiciais, que tem protagonizado, são do domínio público a última determinou  a restituição imediata da Rosema ao angolano Melo Xavier .  Não conformada a elite corrupta partidária passou ao ataque ao STJ

CÚPULAS PARTIDÁRIAS EM UNÍSSONO INVULGAR  - ADI DE PATRICE TROVOADA OU MLSTP-PSD DE AURÉLIO MARTINS? -  POR ESTE ANDAR QUE VENHA O DIABO E FAÇA A ESCOLHA 

Bebam cervejas!.Não faz mal ruas esburacadas e  míseras cubatas

Unidos no mesmo concertado  ataque: Nós, Deputados Eleitos e em efectividade de funções, abaixo-assinados, profundamente preocupados com a actual sequência dos diversos cenários negativos ao nível do sistema judiciário, por ventura os mais graves registados ate então, e que a grande a maioria do nosso povo e todos aqueles que acompanham a evolução do pais, não hesitam em qualificar como sendo o colapso do sistema, e que pôs nu uma realidade muito mais alarmante e caótica do que se poderia imaginar e, colocou-nos perante uma crise sem precedentes, que ao manter· se arrastará o país para uma catástrofe, abalando os pilares da do próprio Estado de Direito, pelo que decidimos submeter a presente proposta de Resolução.

ORDENADA A DECISÃO DO STJ – De imediato, o empresário angolano, predisposto a não perder tempo e ousar enfrentar os eventuais bloqueios, tendo declarado:  «Eu vou receber porque há uma decisão do Supremo Tribunal de Justiça (STJ) de São Tomé neste sentido, eu vim aqui para isso, para levantar a bandeira de São Tomé ao lado da bandeira de Angola na fábrica Rosema», assegurou. https://www.telanon.info/sociedade/2018/05/02/26842/comecou-a-operacao-rosema/


Diz a Constituição da República Democrática de S. Tomé e Príncipe, que "Os órgãos de soberania devem observar os princípios da separação e  interdependência estabelecidos na Constituição. No entanto, não é isto que tem demonstrado o atual Primeiro-ministro, que, além de dispor de uma maioria parlamentar confortável e de contar com a eleição de um Presidente da República, da sua confiança política (numa eleição de duvidosa credibilidade), tudo tem feito para exercer o seu controlo sob o poder judicial, situação que tem vindo a gerar uma crescente instabilidade e mal-estar, quer minando a  confiança da população na sua ação governativa, quer no interior dos diversos sectores judiciais


O ATUAL PRESIDENTE DA JUSTIÇA, CERCADO PELAS HOSTES SERVENTUÁRIAS DE PATRICE TROVOADA, DIFICILMENTE PODERÁ ALTERAR O RUMO DA JUSTIÇA: quer por via de um Tribunal Constitucional, fundado e  instrumentalizado pelo seu partido, quer por outras leis subsequentes - Tal como reconhece, em oportuno artigo de opinião, publicado na mais corajosa voz democrática santomense, o Téla Nón, sob o titulo Golpe Parlamentar, num esclarecedor alerta do ex-juiz Carlos Semedo, sobre o mais recente golpe parlamentar que   permite que “Os juízes de direito passem a ser recrutamos pelo ministério da justiça” .


Silva Cravid - STP_PRESS
ELEITO HÁ UM ANO – JUIZ MANUEL SILVA CRAVID PROMETEU, QUE A ORGANIZAÇÃO DA JUSTIÇA É A TAREFA PRINCIPAL

 Segundo ele é fundamental para que os tribunais funcionem em pleno. «É preciso que a sociedade são-tomense volte a acreditar no sistema judicial. É preciso que os políticos deem algum crédito ao sistema judicial, que não estejam a contribuir para que o bom nome do Estado são-tomense fique mal parado», concluiu. Internacional - Silva Gomes Cravid eleito novo presidente do Sim, mas tem pela frente o chefe de um bando de malfeitores que faz das Ilhas a sua propriedade colonial

De recordar que a eleição do novo Presidente do STP, Juiz Conselheiro, Manuel Silva Gomes Cravid, veio destronar o reinado do todo poderoso e polémico, Juiz Conselheiro, José Bandeira, que tem pautado o exercício  da sua presidência (cumulativamente com a do Tribunal Constitucional e do Tribunal Tributário) mais pela colagem ao Governo de que pugnando pela  dignificação da justiça e da sua independência,  parece não ter sido bem recebida por Patrice Trovoda, que ameaça entrar em confronto com o poder Judicial

 Silva Cravid foi eleito com três dos cinco votos dos seus pares, ultrapassando o antigo juiz presidente José Bandeira que obteve um voto a par da juíza Alice Carvalho enquanto os outros dois juízes conselheiros, nomeadamente, Silvestre Leite e Frederico da Gloria não obtiveram nenhum voto. Em declarações a imprensa, o novo presidente do Supremo defendeu a necessidade de se dignificar os tribunais e todo o sistema judicial são-tomense, sobretudo, através da organização da classe e a união entre os diferentes agentes e fazedores da justiça em São-Tomé e Príncipe.

Juiz Cravid avisou que não ia aceitar ingerência nos assuntos dos Tribunais"

«Os tribunais são um órgão de soberania, como o governo, a assembleia nacional e o Presidente da República são. Não nos cabe imiscuir nos assuntos do Governo, nem da Assembleia Nacional e muito menos nos assuntos do Presidente da República. E Gostaria que os outros órgãos de soberania agissem em conformidade», assim  respondeu o novo juiz Presidente do Supremo Tribunal de Justiça e do Tribunal Constitucional, Manuel Silva Gomes Cravid.

 PATRICE TROVOADA TEM PROTAGONIZADO SISTEMÁTICOS ATAQUES E AFRONTOSAS INTERFERÊNCIAS NA SEPARAÇÃO DOS PODERES CONSTITUCIONAIS  - Agora com a insólita aliança de uma oposição - e dos seus amigos - se renderem  à vassalagem e poderia de um corrupto e desacreditado PM 

E, de facto, se dúvidas existiam, aqui temos outra das  lanças de que vai servir-se o regime e os seus amigos - Segundo diz o jornal oficial - " a sociedade são-tomense dos “Irmãos Monteiro”  irá interpor um recurso no Tribunal Constitucional contra a decisão do Supremo Tribunal de Justiça (STJ) sobre o processo jurisdicional da Cervejeira “Rosema” que envolve o empresário angolano Mello Xavier, anunciou hoje a mandatária da empresa, Celiza Deus Lima http://www.stp-press.st/2018/04/30/irmaos-monteiro-vao-recorrer-ao-tribunal-constitucional-decisao-do-supremo-caso-rosema/

POVO DESCONTENTE, FRUSTRADO, TRAÍDO E DESILUDIDO PELA CORRUPTA DESGOVERNAÇÃO DE PATRICE TROVOADA – Mas  também muito confuso. Sem saber para onde se voltar – A liderança do maior partido de oposição parece não ter aprendido com a mais pesada derrota da sua história, nas legislativas de Outubro de 2014,  revela-se incapaz de unir sensibilidades internas e de reforçar para o exterior a via da uma nova esperança governativa do país.


Nenhum comentário :