expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Quem sou eu

Minha foto
Entre outros assuntos, falo da escalada ao Pico Cão Grande e das minhas aventuras em canoas – Visam defender a teoria de que antigos povos africanos, podiam ter sido os primeiros povoadores das Ilhas do Golfo da Guiné, antes dos colonizadores – Parti à meia-noite, disfarçado de pescador, ligando a ilha do Príncipe. Para me orientar, uma rudimentar bússola – A canoa era minúscula, à segunda noite adormeci: rolei na escuridão das vagas. No regresso fui distinguido com sopapos da policia salazarista, enviado para os calabouços – Cinco anos depois, numa piroga maior, fiz a ligação São Tomé-Nigéria. Partindo igualmente à noite, 13 dias depois atingia uma praia de Calabar, tendo sido detido 17 dias por suspeita de espionagem. - No mesmo ano, já com São Tomé e Príncipe independente, tentei a travessia São Tomé ao Brasil, usando os mesmos recursos. Além de pretender reforçar a minha teoria, desejava evocar a rota da escravatura e repetir a experiência de Alain Bombard. Porém, quis a ironia do destino que vivesse a difícil provação de um naufrágio de 38 longos dias, tendo aportado numa praia de Bioko (Bococo)onde fui recambiado para a famosa prisão de Black Beach

quinta-feira, 24 de janeiro de 2019

Louvado sejais, ó Deus pelos privilégios concedidos


QUE DEUS ME DEIXE CONTINUAR A SER O PEREGRINO NOTURNO QUE SOU PARA VOS LOUVAR NAS NOITES MAIS ESCURAS DE BREU, ENLUARADAS DE PRATA OU COM O MAIS RASGADO CÉU BRANCO E AZUL 

 


Sim, ó azul escuro e profundo! És imortal, ó imensa cúpula
dos altos Céus!....Sozinho, às desoras, neste negro ermo, 
te contemplo ó Luz celestial! 
Envolve-me, com o teu misterioso manto! 
O etéreo azul escuro de Deus!
Não perguntes donde venho, 
quem eu sou, porque estou aqui e onde vou!...
Sim, não rezo nem peço nada – Sozinho, a sós, Procuro-te
e escuto o silencio da Tua Voz




 
 

Nenhum comentário :