expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Quem sou eu

Minha foto
Entre outros assuntos, falo da escalada ao Pico Cão Grande e das minhas aventuras em canoas – Visam defender a teoria de que antigos povos africanos, podiam ter sido os primeiros povoadores das Ilhas do Golfo da Guiné, antes dos colonizadores – Parti à meia-noite, disfarçado de pescador, ligando a ilha do Príncipe. Para me orientar, uma rudimentar bússola – A canoa era minúscula, à segunda noite adormeci: rolei na escuridão das vagas. No regresso fui distinguido com sopapos da policia salazarista, enviado para os calabouços – Cinco anos depois, numa piroga maior, fiz a ligação São Tomé-Nigéria. Partindo igualmente à noite, 13 dias depois atingia uma praia de Calabar, tendo sido detido 17 dias por suspeita de espionagem. - No mesmo ano, já com São Tomé e Príncipe independente, tentei a travessia São Tomé ao Brasil, usando os mesmos recursos. Além de pretender reforçar a minha teoria, desejava evocar a rota da escravatura e repetir a experiência de Alain Bombard. Porém, quis a ironia do destino que vivesse a difícil provação de um naufrágio de 38 longos dias, tendo aportado numa praia de Bioko (Bococo)onde fui recambiado para a famosa prisão de Black Beach

quarta-feira, 30 de janeiro de 2019

Venezuela – A caminho de um novo Iraque ou libialização “Portugal junta-se ao ultimato liberal para colocar no poder o seu peão: o perfume do petróleo não dá para pôr nos sovacos mas faz ferver a imaginação "Ou Maduro aceita eleições ou nós reconhecemos Guaidó" - E esta?!...Os controleiros do Mundo tem que impor a sua ordem global


 Jorge  Trabulo Marques  - Jornalista -Informação  e análise 
 

QUEREM FAZER DA VENEZUELA O DESASTRE DA PROMETIDA PRIMAVERA ÁRABE NA LÍBIA OU DEGOLAR A CABEÇA DE SADDAM NO IRAQUE  - DEIXAR OS PAÍSES DESTROÇADOS E EM RUÍNAS PARA SACAREM À VONTADE  - E ASSIM  CONTINUA O JOGO DESPUDORADO DA RAPINA AO PETRÓLEO ALHEIO PELA SOFREGUIDÃO LIBERAL

Não há maneira de apreenderem com os erro do passado: 

Mas o que é que os justiceiros do liberalismo selvagem têm a ver com a vida interna dos venezuelanos? – Unicamente para destabilizar, arruinar e, depois, nos escombros, colocarem lá o seu fantoche, tal como fizeram na Líbia  e Iraque.


O ministério de Augusto Santos Silva, tomou uma posição desastrosa, imprudente e  insensata ao apoiar, até ao último fôlego, o  regime autoritário de Pinta Cabra, vulgo Patrice Trovoada, quando devia agir com mais cautela, atendo à impopularidade  do ora derrotado e fugitivo, nativo gabonês

Agora segue pelo mesmo caminho, tomado por Durão Barroso na famigerada cimeira dos Açores, há 16 anos,  quando apadrinhou a coligação militar internacional, liderada pelos Estados Unidos e pelo Reino Unido, e apoiada por Portugal e Espanha, entre outros países,  operação  que acabaria por ser o principio de um cruel e devastador conflito armado naquele país árabe.


Noticia diz que, "Portugal alinha no ultimato a Nicolás Maduro que recebeu um ultimato de vários países da União Europeia este sábado. Espanha, França e Alemanha vão reconhecer o líder parlamentar Juan Guaidó como presidente interino da Venezuela, caso Nicolás Maduro não convoque eleições no prazo de oito dias.
Contactado pela TSF, o ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, explicou que Portugal junta-se a esta declaração que, ao que tudo indica, será uma posição conjunta dos países europeus.
"Esse processo ainda está a decorrer para que a posição seja formalmente da União Europeia, mas temos trabalhado nisso intensamente. Ontem faltava apenas determinar qual seria o prazo que concederíamos a Nicolás Maduro e chegámos à conclusão que uma semana é um prazo adequado, até porque os ministros dos Negócios Estrangeiros da União Europeia reunir-se-ão na próxima quinta-feira em Bucareste."
Portugal exige eleições livres. Caso contrário vai reconhecer o presidente da assembleia nacional como autoridade legítima na Venezuela. https://www.publico.pt/2008/03/16/mundo/noticia/inicio-da-guerra-no-iraque-foi-ditado-ha-cinco-anos-na-cimeira-das-lajes-1322785

Nenhum comentário :