expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Quem sou eu

Minha foto
Entre outros assuntos, falo da escalada ao Pico Cão Grande e das minhas aventuras em canoas – Visam defender a teoria de que antigos povos africanos, podiam ter sido os primeiros povoadores das Ilhas do Golfo da Guiné, antes dos colonizadores – Parti à meia-noite, disfarçado de pescador, ligando a ilha do Príncipe. Para me orientar, uma rudimentar bússola – A canoa era minúscula, à segunda noite adormeci: rolei na escuridão das vagas. No regresso fui distinguido com sopapos da policia salazarista, enviado para os calabouços – Cinco anos depois, numa piroga maior, fiz a ligação São Tomé-Nigéria. Partindo igualmente à noite, 13 dias depois atingia uma praia de Calabar, tendo sido detido 17 dias por suspeita de espionagem. - No mesmo ano, já com São Tomé e Príncipe independente, tentei a travessia São Tomé ao Brasil, usando os mesmos recursos. Além de pretender reforçar a minha teoria, desejava evocar a rota da escravatura e repetir a experiência de Alain Bombard. Porém, quis a ironia do destino que vivesse a difícil provação de um naufrágio de 38 longos dias, tendo aportado numa praia de Bioko (Bococo)onde fui recambiado para a famosa prisão de Black Beach

domingo, 17 de março de 2019

TREINADOR SANTOMENSE, NUNO ESPÍRITO SANTO, FAZ HISTÓRIA EM INGLATERRA AO ELIMINAR O MANCHESTER UNITED

Jorge Trabulo Marques - jornalista 

 













Nuno Espírito Santo elimina o Manchester United e faz história
A imprensa inglesa e portuguesa dá grande destaque  à vitória da equipa do  treinador Santomense, Nuno Espírito Santo,  o Wolverhampton Wanderers “fez uma excelente atuação no segundo tempo para dominar o Manchester United e alcançar sua primeira semifinal da FA Cup por 21 anos em uma noite no Molineux.

A equipa de Nuno Espirito Santo, nas primeiros quartas-de-final desde 2003, mereceu a sua vitória, tendo a United produzido o seu pior desempenho no âmbito da gestão interina de Ole Gunnar Solskjaer.





E também a imprensa portuguesa, sublinha o êxito do anterior treinador do F.C. do Porto

Diz o Público, que “Era uma ausência que durava há 21 anos mas chegou ao fim: o Wolverhampton volta a marcar presença nas meias-finais da Taça de Inglaterra, após receber e vencer (2-1) o Manchester United, numa grande noite da equipa orientada pelo português Nuno Espírito Santo.
Com os portugueses João Moutinho, Rúben Neves e Diogo Jota no “onze” – os três futebolistas foram convocados por Fernando Santos para as próximas partidas da selecção nacional – o Wolverhampton jogou olhos nos olhos com o Manchester United. Os “red devils” vinham da primeira derrota nas competições inglesas desde que são orientados por Ole Gunnar Solskjaer, batidos na visita ao Arsenal (2-0) e em Wolverhampton voltou a perder. https://www.publico.pt/2019/03/16/desporto/noticia/nuno-espirito-santo-elimina-manchester-united-faz-historia-1865714

Nenhum comentário :