expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Quem sou eu

Minha foto
Entre outros assuntos, falo da escalada ao Pico Cão Grande e das minhas aventuras em canoas – Visam defender a teoria de que antigos povos africanos, podiam ter sido os primeiros povoadores das Ilhas do Golfo da Guiné, antes dos colonizadores – Parti à meia-noite, disfarçado de pescador, ligando a ilha do Príncipe. Para me orientar, uma rudimentar bússola – A canoa era minúscula, à segunda noite adormeci: rolei na escuridão das vagas. No regresso fui distinguido com sopapos da policia salazarista, enviado para os calabouços – Cinco anos depois, numa piroga maior, fiz a ligação São Tomé-Nigéria. Partindo igualmente à noite, 13 dias depois atingia uma praia de Calabar, tendo sido detido 17 dias por suspeita de espionagem. - No mesmo ano, já com São Tomé e Príncipe independente, tentei a travessia São Tomé ao Brasil, usando os mesmos recursos. Além de pretender reforçar a minha teoria, desejava evocar a rota da escravatura e repetir a experiência de Alain Bombard. Porém, quis a ironia do destino que vivesse a difícil provação de um naufrágio de 38 longos dias, tendo aportado numa praia de Bioko (Bococo)onde fui recambiado para a famosa prisão de Black Beach

sábado, 28 de março de 2020

COVID-19 - SANTOMENSE ORTINS CRAVID – O primeiro cidadão da diáspora que morre em Portugal – Em São Tomé e Principe, até ao momento não há registo de casos declarados – Mas o Governo já decretou o Estado de Emergência e vai propor ao PR para o prolongar


Jorge Trabulo Marques – Jornalista - Temos também postado vários trabalhos no Facebook, onde nos poderá   também seguir

CIDADÃO DE S. TOMÉ E PRINCIPE VITIMA DE CORONAVIRUS , - Cuja morte tem estado a gerar um profundo sentimento de tristeza, de solidariedade e de pesar para com os que lhe são queridos, através da noticia que divulgamos no Facebook

 Cravid,  filho do primeiro embaixador de São.Tomé e Príncipe , em Angola , senhor Ariosto Castelo David., que chegou a trabalhar no Mistério de Trabalho, faleceu vitima do corona-virus – Informação prestada , por Sérgio Paulo Almeida,, seu amigo pessoal, com quem trabalhou - Além de outras fontes no facebook, na partilha das suas amizades - À família enlutado os meus sentidos pêsames

Desde o passado dia 18, que as autoridades são-tomenses declararam estado de emergência face à propagação do Covid-19. São Tomé e Príncipe ainda não registou nenhum caso, mas no continente africano há já mais de trinta países afectados pelo novo coronavírus.

O anúncio foi feito pelo primeiro-ministro, Jorge Bom Jesus, após um encontro que manteve com Presidente da República, Evaristo Carvalho, esta terça-feira.

As medidas prevêem a proibição de entrada no país de cidadãos estrangeiros, quanto aos nacionais e residentes estrangeiros, que regressem ao país, ficarão sujeitos a uma quarentena domiciliária. http://www.stp-press.st/2020/03/24/covid-19-ministra-da-educacao-apela-aos-pais-a-acompanharem-seus-educandos-na-prevencao/

GOVERNO VAI PROPOR AO PRESIDENTE DA REPÚBLICA O PROLONGAMENTO DO PRAZO

Diz a Agência-STP. que Governo de Jorge Jesus vai propor ao Presidente da República, Evaristo de carvalho a prorrogação do Estado de Emergência  - Solidário com os seus governantes e o seu povo – Desejando que o pânico não alastre  para o virus da psiquiatria-pandemia

São Tomé, 27 Mar ( STP-Press ) – O governo são-tomense vai propor  ao Presidente da República a prorrogação do Estado de Emergência por mais 15 dias face ao coronavírus, anunciou hoje o primeiro-ministro, Jorge Bom Jesus tendo assegurado a prorrogação, sem custos, de visto de permanência aos estrangeiros retidos no país por ausência de voos face a pandemia.

“ Importa sublinhar que atendendo a evolução dramática da pandemia Covid-19 no mundo e considerando que internamente ainda não estão consolidadas todas as condições de diagnósticos e respostas, o governo vai propor a sua Excelência Senhor Presidente da República a prorrogação do Estado de Emergência por mais 15 dias”, disse Jorge Bom Jesus em comunicado lido esta tarde a imprensa.

Bom Jesus disse ainda que “ tendo em conta que alguns cidadãos estrangeiros continuam retidos no nosso País, por ausência de voos, orientamos o Sr. Ministro da Defesa e Ordem Interna para autorizar a prorrogação automática dos vistos de permanência por trinta dias sem custos adicionais”.

“ Reconfirmamos que não há até este momento nenhum caso suspeito de Covid-19 que suscite inquietação” disse Jorge Bom Jesus acrescentando que “ amanhã, sábado, faz uma semana que cerca de 150 concidadãos nossos se encontram em quarentena obrigatória. Estão de boa saúde, são acompanhados diariamente pelos profissionais da saúde e uma vasta equipa de logística”.

 Ontem, quinta-feira, foram feitas recolhas aleatórias de amostras nos centros de quarentena que seguiram no voo da TAP para analise no instituto Ricardo Jorge em Portugal. Por conseguinte, pedimos calma, paciência e colaboração destes concidadãos, seus familiares e amigos, mas trata-se de uma medida excepcional estritamente necessária” –disse Bom Jesus.
O Chefe do governo disse ainda que “ continuamos a trabalhar nas várias frentes de prevenção e combate a esta pandemia, nomeadamente ao nível da aquisição de materiais, consumíveis, equipamentos diversos que vão chegando paulatinamente ao País, com financiamento do governo oi apoios dos parceiros internacionais ( voo da TAP/ União Europeia).
“ Trabalhamos na finalização de um plano de mitigação do impacto económico, financeiro e social que será aprovado na próxima sessão do Conselho de Ministros, cujas linhas orientadoras foram partilhadas com parceiros de concertação social”- adiantou o primeiro-ministro.
Disse ainda que “ apesar das medidas de restrição, tudo está a ser acautelado para evitar ruturas de bens essenciais de consumo e combustíveis. A propósito, ainda hoje sexta-feira chegou a Região Autónoma do Príncipe uma embarcação contendo combustíveis, diversos produtos alimentares incluindo hortaliças. Ainda em relação ao Príncipe os voos da STP Airways estão reduzidos a duas frequências semanais por enquanto, 2ª e 6ª) .
“ No que toca a falta da emissão da TVS, na região, reenviaremos o emissor já reparado no próximo voo” disse tendo sublinhado” aproveito para reiterar o apelo aos espíritos patriótico e cívico de todos são-tomenses sem excpção, do mais novo aos mais velhos de Cauê a Região autónoma do Príncipe no sentido de colaborarem com as autoridades e respeitarem as medidas adoptadas”.
Bom Jesus sustentou que “ o combate ao coronavírus exige união, solidariedade, maturidade política e muita responsabilidade dos decisores políticos, pois as agendas pessoais ou de grupos não devem sobrepor-se aos superiores interesses da Nação são-tomense”. http://www.stp-press.st/2020/03/27/covid-19-governo-vai-propor-ao-presidente-da-republica-a-prorrogacao-do-estado-de-emergencia/


 Por sua vez, A ministra são-tomense da Educação, Julieta Rodrigues apelou aos pais  e encarregados de educação para acompanharem os seus educandos, sobretudo, na realização de tarefas escolares e na planificação da vida quotidiana, neste período de suspensão temporária das aulas,  face as medidas de prevenção ao coronavírus [Covid-19].
A governante fez este apelo esta manhã em mensagem dirigida “aos País e encarregados de educação, estudantes, docentes e demais intervenientes no sistema educativo de São Tomé e Príncipe” face a pandemia do coronavírus, tendo sublinhado que “ todos juntos pela nossa vida. http://www.stp-press.st/2020/03/24/covid-19-ministra-da-educacao-apela-aos-pais-a-acompanharem-seus-educandos-na-prevencao/

Nenhum comentário :