expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Quem sou eu

Minha foto
Entre outros assuntos, falo da escalada ao Pico Cão Grande e das minhas aventuras em canoas – Visam defender a teoria de que antigos povos africanos, podiam ter sido os primeiros povoadores das Ilhas do Golfo da Guiné, antes dos colonizadores – Parti à meia-noite, disfarçado de pescador, ligando a ilha do Príncipe. Para me orientar, uma rudimentar bússola – A canoa era minúscula, à segunda noite adormeci: rolei na escuridão das vagas. No regresso fui distinguido com sopapos da policia salazarista, enviado para os calabouços – Cinco anos depois, numa piroga maior, fiz a ligação São Tomé-Nigéria. Partindo igualmente à noite, 13 dias depois atingia uma praia de Calabar, tendo sido detido 17 dias por suspeita de espionagem. - No mesmo ano, já com São Tomé e Príncipe independente, tentei a travessia São Tomé ao Brasil, usando os mesmos recursos. Além de pretender reforçar a minha teoria, desejava evocar a rota da escravatura e repetir a experiência de Alain Bombard. Porém, quis a ironia do destino que vivesse a difícil provação de um naufrágio de 38 longos dias, tendo aportado numa praia de Bioko (Bococo)onde fui recambiado para a famosa prisão de Black Beach

terça-feira, 14 de abril de 2020

F.C.Porto - Sérgio Conceição - Elogio tempo de reflexão por Victor Baía e Jorge Costa - Suspensão do campeonato de Futebol, em todas as divisões, por via do covid-19,não impede gestos de harmonia. desportivismo e solidariedade


Jorge Trabulo Marques - Jornalista e foto-jornalista



TEMPO DE MEDITAÇÃO - SOBRETUDO AGORA - MAS SÉRGIO CONCEIÇÃO, PARECE QUE JÁ O FAZ HÁ MAIS TEMPO E QUANDO ENTRA EM CAMPO - O treinador do F.C.PORTO, foi elogiado por Victor Baía e Jorge Costa , no Domingo de Páscoa, no programa "F. C. Porto em casa", difundido pelas diversas plataformas de comunicação portistas, com a participação dos antigos capitães Vítor Baía e Jorge Costa como convidados, a dada altura - refere o JN – “ a conversa resvalou para Sérgio Conceição e o treinador entrou no direto e colocou o foco no presidente.
Os antigos guarda-redes e defesa central portistas coincidiram na ideia de que Sérgio Conceição é o responsável pelo sucesso que o F. C. Porto tem tido nos últimos dois anos e meio, não só pela competência que tem como treinador mas também por ser portador da famosa mística do clube azul e branco.


Perante esses elogios, Sérgio Conceição entrou em direto no programa para falar e trouxe Pinto da Costa à conversa: "Quero agradecer palavras do Bicho (Jorge Costa) e do Vítor. Falamos muitas vezes e eu sei que são elogios sinceros e que é isso que eles sentem. A minha cota parte de algum sucesso que tivemos nestes dois anos e meio, que estou no F. C. Porto, é dividida com os jogadores e com a estrutura, mas a pessoa que está acima de tudo e todos é o nosso presidente".

No seguimento, Sérgio Conceição falou das diferenças entre o panorama atual e aquele que todos eles encontraram enquanto jogadores do F. C. Porto, aproveitando a ocasião para elogiar o atual plantel e toda a estrutura do futebol portista.

"Era mais muito mais fácil um treinador chegar ao F. C. Porto e encontrar um balneário onde a sua espinha dorsal era composta por muitos jogadores vindos da formação e conhecedores da realidade do F. C. Porto e daquilo que representava um clube como o nosso. Hoje encontro essa dificuldade de dar a perceber, incutir esse espírito, mas encontro outras facilidades naquilo que é o profissionalismo e a dedicação dos meus jogadores, porque são jogadores absolutamente fantásticos", considerou o treinador portista.

Baía e Jorge Costa também consideraram que Sérgio Conceição, o jogador, era "insuportável, sobretudo quando não jogava". A reação do técnico veio logo de seguida https://www.jn.pt/desporto/baia-e-jorge-costa-falam-de-sergio-conceicao-e-o-treinador-entra-em-direto-no-programa-12062306.html






Nenhum comentário :