expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Quem sou eu

Minha foto
Entre outros assuntos, falo da escalada ao Pico Cão Grande e das minhas aventuras em canoas – Visam defender a teoria de que antigos povos africanos, podiam ter sido os primeiros povoadores das Ilhas do Golfo da Guiné, antes dos colonizadores – Parti à meia-noite, disfarçado de pescador, ligando a ilha do Príncipe. Para me orientar, uma rudimentar bússola – A canoa era minúscula, à segunda noite adormeci: rolei na escuridão das vagas. No regresso fui distinguido com sopapos da policia salazarista, enviado para os calabouços – Cinco anos depois, numa piroga maior, fiz a ligação São Tomé-Nigéria. Partindo igualmente à noite, 13 dias depois atingia uma praia de Calabar, tendo sido detido 17 dias por suspeita de espionagem. - No mesmo ano, já com São Tomé e Príncipe independente, tentei a travessia São Tomé ao Brasil, usando os mesmos recursos. Além de pretender reforçar a minha teoria, desejava evocar a rota da escravatura e repetir a experiência de Alain Bombard. Porém, quis a ironia do destino que vivesse a difícil provação de um naufrágio de 38 longos dias, tendo aportado numa praia de Bioko (Bococo)onde fui recambiado para a famosa prisão de Black Beach

quarta-feira, 3 de junho de 2020

Futebol Português - Hoje recomeça o Campeonato Nacional - Com Famalicão -Porto âs 21.15, depois do jogo às 19.00 do Portimonense-Gil Vicente – Com as bancadas vazias por vida da pandemia


JORGE TRABULO MARQUES  - Foto-jornalismo 


O campeonato português está de regresso aos relvados depois de uma paragem de mais de dois meses devido à pandemia de covid-19. O Futebol Clube do Porto  é o primeiro dos três grandes clubes a reabrir o campeonato, com as bancadas vazias e sem os sorrisos das famílias dos jogadores 



A  equipa liderada por Sergio de Conceição,  têm difícil missão  de se deslocar  ao recinto do Famalicão, a equipa sensação do campeonato, com baixas . s importantes na defesa e não conta com Nakajima.



Foi referido que,  “a diretora-geral da Saúde afirmou esta tarde que os jogos da I Liga portuguesa de futebol vão manter-se à porta fechada, por precaução, mas admitiu reavaliar a medida conforme a evolução da situação epidemiológica.

"Pelo princípio da precaução, mantém-se que os jogos de futebol não tenham público, mas estas situações podem ser revistas, sobretudo à luz da evolução da epidemia nos próximos dias ou nas próximas semanas", admitiu Graça Freitas, na habitual conferência de imprensa sobre a pandemia da covid-19 em Portugal”


Nenhum comentário :