expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Quem sou eu

Minha foto
Entre outros assuntos, falo da escalada ao Pico Cão Grande e das minhas aventuras em canoas – Visam defender a teoria de que antigos povos africanos, podiam ter sido os primeiros povoadores das Ilhas do Golfo da Guiné, antes dos colonizadores – Parti à meia-noite, disfarçado de pescador, ligando a ilha do Príncipe. Para me orientar, uma rudimentar bússola – A canoa era minúscula, à segunda noite adormeci: rolei na escuridão das vagas. No regresso fui distinguido com sopapos da policia salazarista, enviado para os calabouços – Cinco anos depois, numa piroga maior, fiz a ligação São Tomé-Nigéria. Partindo igualmente à noite, 13 dias depois atingia uma praia de Calabar, tendo sido detido 17 dias por suspeita de espionagem. - No mesmo ano, já com São Tomé e Príncipe independente, tentei a travessia São Tomé ao Brasil, usando os mesmos recursos. Além de pretender reforçar a minha teoria, desejava evocar a rota da escravatura e repetir a experiência de Alain Bombard. Porém, quis a ironia do destino que vivesse a difícil provação de um naufrágio de 38 longos dias, tendo aportado numa praia de Bioko (Bococo)onde fui recambiado para a famosa prisão de Black Beach

quinta-feira, 3 de março de 2016

Presidente da República Manuel Pinto da Costa, desembarcou esta manhã no Aeroporto Internacional de São Tomé e Príncipe, depois de ter participado nas cerimónias fúnebres do nacionalista angolano, Lúcio Lara e de ter tido encontros com o seu homólogo angolano, José Eduardo dos Santos

Por Jorge Trabulo Marques - Jornalista


À sua chegada,  junto às escadas do avião, foi  cumprimentado  pelo Presidente da Assembleia Nacional, José da Graça Diogo, pelo  Primeiro Ministro, Patrice Trovoada, Presidente do Tribunal de Contas, José António Monte Cristo, após o que recebeu as honras militares, seguindo-se as saudações dos membros do Governo, corpo diplomático, comandantes das Forças Armadas e da Polícia, membros da casa civil e militar, não tendo prestado declarações à imprensa




Recordando Dgina Já Sé,  dos  Untués - Aeroporto Internacional de São Tomé e Príncipe – Manhã ensolarada de 3 Março -  Imagens do regresso  de Luanda do  Presidente Manuel Pinto da Costa,  onde tomara parte nas cerimónias fúnebres de Lúcio Lara – 

ECOS DE LUANDA 

Tal como é referido pela imprensa angolana, de hoje, "Manuel Pinto da Costa presenciou a cerimónia de enterro do malogrado, na companhia  do Presidente da República, José Eduardo dos Santos, e dos vice-presidentes da República e do MPLA, respectivamente Manuel Vicente e Roberto de Almeida.
Durante a sua permanência de cerca de 24 horas, em Luanda, o Chefe de Estado são-tomense manteve um encontro de trabalho com o seu homólogo angolano, com quem abordou assuntos de interesse comum, nomeadamente questões de carácter bilateral, regional e internacional.


No Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, Manuel Pinto da Costa, que não falou à imprensa, recebeu cumprimentos de despedida do ministro dos Petróleos, Botelho de Vasconcelos, do secretário de Estado das Relações Exteriores, Manuel Augusto, entre outras individualidades."
Chefe de Estado Santomense, ao deixar a  sala VIP do aeroporto, saudado de  novo


Nenhum comentário :